Your browser is out-of-date!

Update your browser to view this website correctly. Update my browser now

×

Comunicado Sporting Clube de Portugal

Por Jornal Sporting
10 Nov, 2017

O Conselho Fiscal e Disciplinar decidiu, por unanimidade, expulsar o associado Paulo Pereira Cristóvão

O Sporting Clube de Portugal informa que, em reunião realizada a 6 de Outubro de 2017, o Conselho Fiscal e Disciplinar decidiu, por unanimidade, expulsar o associado Paulo Pereira Cristóvão por violação dos Estatutos e inobservância de vários deveres a que todos os sócios estão obrigados, considerando, ainda para mais, o estatuto de utilidade pública da Instituição.

Em causa estão, nomeadamente, a violação dos seguintes deveres: honrar o Clube e defender o seu nome e prestígio, zelar pela coesão interna do Clube, manter impecável comportamento moral de forma a não prejudicar os legítimos interesses do Sporting – designadamente, defendendo e zelando pelo património do Clube –, e, adicionalmente, e por ser, à época das infracções, órgão social, deveria cumprir e fazer cumprir os estatutos e exercer o respectivo cargo com a maior dedicação e exemplar conduta cívica e moral.

Esta decisão, que produziu efeitos a partir de 17 de Outubro, foi remetida a 13 do mesmo mês ao referido ex-associado, de acordo com a lei, tendo-se constatado que o mesmo se recusou a ser informado da respectiva notificação.

Foram já dadas instruções ao departamento de Sócios do Sporting Clube de Portugal para que o ex-associado Paulo Pereira Cristóvão seja eliminado da base de dados do Clube, não obstante já se verificar que o mesmo não cumpria o dever de pagamento de quotas desde Dezembro de 2016.

Sporting Clube de Portugal

Lisboa, 10 de Novembro de 2017