Your browser is out-of-date!

Update your browser to view this website correctly. Update my browser now

×

Taxonomy term

“Este é o Sporting mais completo em que já joguei”

Por Jornal Sporting
12 maio, 2016

Entrevista exclusiva ao capitão da equipa de futsal João Matos no Jornal Sporting

Em 11 anos ao serviço do Sporting CP, João Matos levantou tantas Taças de Portugal quantas as que o Clube tem. Agora, foi a quinta, que é especial: marcou um golo, usou a braçadeira de capitão e foi eleito o melhor jogador da final, a primeira distinção individual do fixo de 29 anos.

“Fico muito contente por receber um prémio individual, que é o meu primeiro. Pelo que vi, a nomeação do jogador foi pela intensidade de jogo, pela garra, pela vontade, pela forma como defensivamente me apresentei em campo. Se a nomeação foi por essas características fico muito contente porque são as minhas e foram reconhecidas. Não se deu só olhos aos virtuosos, aos goleadores ou aos jogadores que chamam mais a atenção”, afirmou o capitão, que vincou o bom momento dos ‘leões’ em vésperas do ‘playoff’ do Campeonato.

“[Esta conquista] é importante, não só pela confiança mas também porque é sinal de que estamos a manter a regularidade de bons jogos e a mentalidade vencedora. É bom termos ganho e termos ganho ao Benfica, para se perceber que este ano estamos mais fortes e já o demonstrámos por duas vezes frente ao nosso rival”, acrescentou o camisola nove, considerando que esta é a mais completa equipa do Sporting CP em que já actuou. “Este é o ano de melhor qualidade individual, talvez. Temos uma equipa muito poderosa. Os italianos vieram acrescentar muita qualidade ao nosso jogo, foram reforços extraordinários, e o Marcão também nos deu uma ajuda tremenda. Este acaba por ser o Sporting CP mais completo em que já joguei”.

Leia a entrevista completa nesta edição do Jornal Sporting, que já está nas bancas.

Foto D.R.

Votar e escolher o vencedor

Por Jornal Sporting
21 Jun, 2018

Editorial do Director do Jornal Sporting na edição n.º 3.681

Divulgamos esta semana os nomeados para os Prémios Honoris Sporting 2018, onde os vencedores serão conhecidos no decorrer da V Gala Honoris Sporting, a ter lugar pela primeira vez no Pavilhão João Rocha, no próximo dia 29 de Junho.

Como aqui escrevemos na passada semana, a escolha não se afigura nada fácil, estando agora a decisão nas mãos dos Sócios, que podem votar no site do Clube, em www.sporting.pt, nos seus preferidos em cada uma das categorias sujeitas à votação.

Em conformidade com o Regulamento dos Prémios Honoris Sporting, as estatuetas e os galardões destinam-se a reconhecer o mérito individual de atletas, de equipas e ainda de pessoas ou entidades que pela sua contribuição para a difusão e prestígio do Sporting Clube de Portugal mereçam ser, publicamente, distinguidos. 

Este ano há, contudo, algumas novidades quanto aos nomeados, não quanto ao processo, mas ao seu número por categoria, nos prémios respeitantes às Modalidades. Estas tiveram no período a que respeitam os prémios um comportamento absolutamente espectacular, que poderemos classificar como o melhor ao longo dos seus anos de história. Paralelamente, o número de modalidades, desde que os prémios foram criados em Junho de 2014, aumentaram significativamente e dentro destas ao nível do género e dos diferentes escalões. 

Embora os estatutos a isso não o obriguem, tradicionalmente cada categoria de prémios tem contemplado quatro nomeados. A análise que foi efectuada este ano e após recolhidas as propostas dos diferentes departamentos e modalidades do nosso Clube, face ao sucesso estrondoso das modalidades, manter o número de nomeados seria absolutamente injusto em algumas categorias. Assim, nos termos dos Estatutos e do Regulamento dos Prémios e Galardões Honoris Sporting, o Conselho Directivo deliberou que na edição do presente ano os nomeados das categorias respeitantes às Modalidades, variam entre quatro e dez nomeados, permitindo assim aos Sócios uma escolha mais abrangente e distinguir simultaneamente mais alguns daqueles que se destacaram pelo seu desempenho desportivo.

Na presente edição do nosso Jornal pode conferir a lista dos nomeados e aceder ao site oficial do Clube. Sendo Sócio e com as quotas em dia, vote nas suas preferências!

Além dos nomeados que foram agora revelados, no próximo dia 29 de Junho, no Pavilhão João Rocha, ficarão a ser conhecidos os vencedores destes prémios mas também os da categoria Prémios de Honra: Carreira, Saudade e Especial. Este mantém-se por atribuição directa, por deliberação do Conselho Directivo nos termos do Regulamento.

O futsal sénior masculino iniciou da melhor forma a final, a disputar à melhor de cinco, do Campeonato Nacional frente ao nosso eterno rival, no passado sábado, no Pavilhão João Rocha. Partindo de uma desvantagem de 0-2, ao intervalo o resultado marcava 1-2 o que, no entanto, não reflectia o que se passava dentro de campo, mas os nossos rivais foram mais eficazes. No segundo tempo, a nossa equipa, de forma avassaladora, com determinação e garra, conseguiu empatar a partida para depois e pela primeira se adiantar no marcador, para mais tarde dilatar o resultado para 4-2, o que era escasso para o que estávamos a produzir. A partida viria a terminar em 5-4. Foi uma excelente jornada de promoção do futsal, com as bancadas do Pavilhão João Rocha vibrante entusiásticas no apoio ao nosso Clube, demonstrando a razão de termos passado a ter o Pavilhão dos Campeões.

Ontem teve lugar na Luz o segundo jogo tendo o resultado se fixado em 3-2 para os rivais . O próximo jogo será no dia 24 de Junho, de novo no Pavilhão João Rocha. Caso ganhemos este jogo ficaremos a um passo do “tri” campeonato. Se tal acontecer, tentaremos ir buscar o título ao pavilhão da Luz, e se não conseguirmos, teremos ainda a “negra” no Pavilhão João Rocha.

Força Campeões! Nós acreditamos em vocês! Vamos fazer o pleno nas modalidades!

Boa leitura!

Foto D.R.

Primeiro aniversário do João Rocha em destaque

Por Jornal Sporting
21 Jun, 2018

“Um ano de sonho real” é a manchete da edição desta quinta-feira do Jornal Sporting

A edição n.º 3.681 do semanário verde e branco, que saiu esta quinta-feira para as bancas, destaca na sua primeira página o aniversário do Pavilhão João Rocha, contemplando todos os eventos nele organizados ao longo deste ano de estreia, que tem corrido de feição. Recorde cada um deles ao percorrer as páginas 12 e 13 do Jornal. 
 
Especial atenção também para a apresentação pormenorizada do novo treinador da equipa de futebol profissional do Sporting CP, Sinisa Mihajlovic, que assinou por três anos. 
 
Com chamada à primeira página está ainda o jogo 2 e 3 dos playoffs do Campeonato Nacional de futsal, que será desempatado este domingo na casa das modalidades leoninas. 
 
Fique a conhecer, nesta edição, a convocatória e os comunicados oficiais do Clube a respeito da Assembleia Geral, que irá decorrer a 23 de Junho.
 
Leia isto e muito mais no Jornal Sporting desta quinta-feira.
Foto D.R.

Escolha difícil

Por Jornal Sporting
14 Jun, 2018

Editorial do Director do Jornal Sporting na edição n.º 3.680

A Academia Sporting de Alcochete é uma fábrica de talentos. A nossa formação continua a ser uma das melhores do Mundo.  No passado fim-de-semana, a nossa equipa de iniciados (juniores C) sagrou-se campeã nacional, num jogo emocionante frente ao nosso eterno rival, no Estádio Aurélio Pereira. Com atraso pontual na tabela classificativa, a nossa equipa estava obrigada a ganhar o jogo para poder atingir o objectivo ambicionado, que se veio a concretizar. Mas o jogo não começou da melhor forma para os nossos leõezinhos, que foram para o intervalo a perder por 0-1. Depois do descanso, entraram com muita determinação, muito querer e crer, conseguindo, primeiro, empatar a partida, para passar depois para a frente do marcador e perto do fim do jogo, dar a estocada final, fechando o marcador por 3-1. Viu-se esforço, dedicação e devoção que só poderia ter como consequência a merecida vitória. Orgulho, parabéns campeões!

Também o futsal, agora em juvenis masculinos, frente ao mesmo rival, fizeram a 'remontada' e sagraram-se hexacampeões! Orgulho, parabéns campeões!

O futsal sénior masculino, pelo seu lado, vai também disputar com os nossos rivais da Luz a final do Campeonato Nacional, que se disputará à melhor de cinco. O primeiro jogo é já no próximo sábado, no Pavilhão João Rocha (PJR). O segundo jogo é na Luz e o terceiro no PJR. Caso haja necessidade, o quarto jogo é na Luz e o quinto de novo no PJR. Força futsal, vamos à conquista do 'tri'!

Mas não ficamos por aqui, porque há mais títulos para celebrar. O judo sénior masculino do Sporting Clube de Portugal sagrou-se 'tri' campeão nacional. Orgulho, parabéns campeões!

Este ano terá lugar, uma vez mais, a atribuição dos Prémios Honoris Sporting, que vai já na sua V edição. Nos termos dos Estatutos do Clube e do Regulamento, os Prémios e Galardões previstos destinam-se a reconhecer o mérito individual de atletas, de equipas e ainda pessoas ou entidades que pela sua contribuição para a difusão e prestígio do Sporting Clube de Portugal mereçam ser, publicamente, distinguidos.

Os Prémios Honoris Sporting estão agrupados em quatro grandes categorias: Universo Sporting, Modalidades, Futebol e Honra. Com a próxima edição, serão já mais de 100 as distinções atribuídas desde 1 de Julho de 2014, data da I Gala, realizada no Pavilhão Atlântico e que contou com a primeira transmissão da Sporting TV (via streaming na Internet), possibilitando aos Sportinguistas espalhados pelo Mundo acompanharem em directo este marco histórico. Recordamos que a Sporting TV iniciou as suas emissões regulares no sistema de cabo, a 17 de Julho de 2014, às 19h06, hora definida para evocar a fundação do Sporting Clube de Portugal e assim prestar um tributo a todos quanto, ao longo dos anos, contribuíram para o engrandecimento do seu nome.

O processo de atribuição dos Prémios envolve diferentes áreas. Numa primeira fase é necessário seleccionar os nomeados, num total de quatro por prémio, com excepção dos Prémios Honoris Honra que são de atribuição directa. Para tal, os responsáveis das diferentes áreas, enviam as suas propostas de nomeação para o Conselho Directivo (CD), com a respectiva fundamentação. Por seu lado, o CD analisa toda a informação e delibera sobre os nomeados para cada prémio que irão ser sujeitos à votação.

Concluído o processo de nomeação, a lista de nomeados é colocada no site oficial do Clube, em espaço próprio para, na sua grande maioria, serem votados e escolhidos pelos Sócios. Excepção a estes são os “Prémios Honra” (“Carreira”, “Saudade” e “Especial”), “Parceiro do Ano”, “Núcleo do Ano” e “Escola Academia do Ano” que são atribuídos directamente pelo CD e o “Funcionário do Ano”, que é votado entre estes.

Este ano, a selecção dos nomeados nas modalidades foi particularmente difícil dado o sucesso atingido nas mais diversas modalidades, sendo que apenas só quatro podem ser nomeados por categoria. Mas se nomear não foi fácil, a escolha do vencedor também não se afigura fácil. Prova disso é a lista de campeões que aqui temos feito referência ao longo das últimas semanas.

A partir da próxima semana, os Sócios do Sporting Clube de Portugal, com as quotas em dia, podem votar num dos nomeados de cada categoria dos Prémios Honoris Sporting, na página oficial do Clube na internet em www.sporting.pt. Podem ainda encontrar informação adicional sobre os Prémios e Galardões “Honoris Sporting”, nomeadamente o regulamentos dos Prémios.

Boa leitura!

 

"Só dá campeões" em manchete

Por Jornal Sporting
14 Jun, 2018

Títulos nacionais de futebol em iniciados, judo e ginástica em trampolins e duplas fazem a 1.ª página da edição n.º 3680

A edição n.º 3680 do Jornal Sporting, que esta quinta-feira sai para as bancas, traz na sua 1.ª página em destaque o título nacional de campeões conquistado pela equipa de futebol de iniciados, no passado domingo. A formação orientada pelo técnico Pedro Coelho precisava de vencer o eterno rival para o conseguir o 3-1 no Estádio Aurélio Pereira trouxe a Glória, mesmo depois de ir a perder para o interavlo. Saiba tudo sobre a recuperação no periódico verde e branco desta semana, que também dá espaço na manchete para o título alcançado no Nacional de Clubes pela equipa de Judo, tal como os ginastas Diogo Ganchinho e Diogo Abreu, que venceram as Super Finais na categoria de duplas em trampolins, feito que Diogo Abreu repetiu, desta feita em em individual.

Com chamada à 1.ª página está também toda a informação sobre a Assembleia Geral deste domingo, com toda a informação nas páginas 6, 7 e 8, assim como a apresentação da Corrida Sporting, este ano (1 de Julho), na sua 8.ª edição, e uma entrevista a Carlos Lopes, director da secção de atletismo do emblema de Alvalade.

Não perca, ainda, com esta edição, um suplemento sobre os Campeonatos de Portugal, que vem justificar, mais uma vez, a razão leonina na questão dos seus inquestionáveis 22 títulos de campeão português de futebol.

A não perder.

Foto DR

Glória sobre rodas

Por Jornal Sporting
04 Jun, 2018

Editorial do Director do Jornal Sporting na edição n.º 3679

Esforço, Dedicação, Devoção e Glória! Foram estas quatro palavras, tantos quantos são os anos desde que este Conselho Directivo deliberou que o hóquei em patins regressasse enquanto modalidade oficial. Neste percurso sobre rodas foi-se trilhando o caminho do sucesso que marcaram o regresso do hóquei em patins, conquistando-se uma Taça CERS, uma Supertaça, uma Elite Cup e neste último sábado, no melhor dos palcos, na nossa Casa das Modalidades, o título mais desejado: Campeões Nacionais, pela oitava vez.

Foi um Pavilhão João Rocha que nesta sua primeira época de existência já se tornou na Casa dos Campeões, consagrando o voleibol, o andebol e agora o hóquei em patins com as bancadas repletas e vibrantes num apoio incessante à nossa equipa que se bateu estoicamente.

Neste jogo decisivo frente ao FC Porto, a nossa equipa entrou determinada, demonstrando mais crer e querer para alcançar o título que há tanto lhe fugia, o que se foi materializando na sua postura em campo e na alteração do marcador. Com atitude e compromisso, os nossos bravos Leões foram os primeiros a marcar. Apesar de a superioridade, este foi um jogo muito competitivo e o FC Porto conseguiu a igualdade, resultado com que se foi para intervalo. Na segunda e decisiva parte, o Sporting aumentou o marcador para 2-1, depois para 3-1, o FC Porto reduziu para 3-2, fizemos o 4-2 e o resultado final ficaria em 4-3, com o Sporting Clube de Portugal de novo Campeão! Parabéns a toda a estrutura do hóquei em patins: dirigentes, equipa técnica, jogadores e staff! Orgulho Campeões!

Dizem que a história não se repete, mas não deixo de registar algumas curiosidades. Tal como esta época, também há 30 anos defrontámos o FC Porto e o Benfica nos derradeiros encontros, este último na jornada final. Frente ao FC Porto, com a coincidência de se ter verificado a vitória por igual resultado (4-3).

Passaram 30 anos desde a última conquista desta mítica modalidade, tantos anos sem podermos assistir ao deslizar dos patins, num desporto tão querido dos Sportinguistas e que faz parte do imaginário infantil de muitos de nós. Muito se fez nestes últimos quatro anos para colocar o hóquei em patins no lugar que por direito próprio é o seu. Dois nomes têm que ser, por uma questão de elementar justiça, aqui salientados pela sua resiliência e determinação para alcançar de novo o patamar cimeiro, o Presidente Bruno de Carvalho e o director Gilberto Borges.

Agora que nos reencontramos com a glória também no hóquei em patins, queremos manter-nos neste patamar, num projecto global que tem sido levado a cabo num Sporting Clube de Portugal eclético, competitivo e ganhador.

Recordemos aqui alguns títulos de campeões nacionais, numa altura em que estamos a escrever umas das páginas mais gloriosas das nossas modalidades nos quase 112 anos de história. 

O voleibol masculino foi de novo campeão nacional e o feminino campeão da divisão que lhe permitiu ascender à segunda nacional. No andebol, bicampeões nacionais e como temos vindo a aqui a exaltar, também o hóquei em patins conquistou de novo o título máximo a nível nacional.

Mas não se ficam por aqui as conquistas. O futebol feminino, regressado na passada época, conseguiu a “tripleta” fazendo o pleno: bicampeonato, segunda Taça de Portugal consecutiva e Supertaça. Também no feminino, o Rugby repetiu “bi” no campeonato e na Taça de Portugal.

No ténis de mesa, o “tri” campeonato e a Taça. Na natação, o “hexa” Campeões. Na ginástica mais títulos, tendo pela primeira vez um atleta do Sporting conquistado um título europeu para Portugal, Diogo Ganchinho nos trampolins. Mas há mais, muito mais, nas modalidades de combate e em tantas outras que o espaço não nos permite pormenorizar.

Quanto ao atletismo, além dos títulos nacionais, destacamos a proeza inédita alcançada nesta época, TRÊS títulos de Campeões Europeus, dois femininos e um masculino. No que diz respeito a títulos europeus, também o goalball juntou aos títulos nacionais o de Campeão Europeu.

São já 29 títulos Europeus, sete nos últimos cinco anos, que nos têm permitido fazer primeiras páginas onde glorificamos os feitos do Sporting Clube de Portugal. Todo este sucesso não é fruto do acaso e é fiel ao destino traçado em 2013, porque “a sorte dá muito trabalho”!

Boa leitura!

Foto D.R.

Título de hóquei em patins em destaque no Jornal Sporting

Por Jornal Sporting
04 Jun, 2018

A conquista do campeonato, 30 anos depois, faz manchete na edição desta segunda-feira

Há 30 anos... Parece mentira, mas aconteceu mesmo. A secção de hóquei em patins sagrou-se campeã nacional 30 anos depois e esse é o tema que faz manchete na edição desta segunda-feira do Jornal Sporting. Como, aliás, não poderia deixar de ser. Dezenas de milhares de Sportinguistas acompanharam o jogo frente ao FC Porto (4-3) no Pavilhão João Rocha e pela Sporting TV. O título da modalidade trouxe um feito inédito ao Clube: jamais, na sua História, o Sporting CP havia sido campeão de hóquei, andebol e voleibol na mesma época. 

As sessões de esclarecimento também surgem em destaque na primeira página, já que o Conselho Directivo 'viajou' de Norte a Sul do país com o propósito de informar os Sócios sobre o actual momento do Clube. Não ficaram perguntas por fazer nem respostas por dar. 
 
E por falar em esclarecimentos, leia ainda a entrevista realizada a Virgílio Lopes, director da Academia Sporting, na qual garantiu nunca ter havido qualquer problema de segurança no local. 
 
Por último, saiba como é que o Museu, o Estádio José Alvalade, a Loja Verde e a secção de natação festejaram o Dia da Criança. Isto e muito mais no Jornal Sporting desta semana, excepcionalmente hoje nas bancas. 

No top europeu

Por Jornal Sporting
31 maio, 2018

Editorial do Director do Jornal Sporting na edição n.º 3678

“Tão grande como os maiores da Europa”. Esta época o atletismo conquistou três títulos europeus de Clubes, dois femininos e um em masculinos. Nos últimos cinco anos, aqueles que correspondem aos mandatos do actual Conselho Directivo são já sete os títulos europeus, em quatro modalidades, consolidando-nos numa posição invejável ao nível dos clubes mundiais, com um total de 29 troféus.

Sem dúvida, um grande fim-de-semana de glória europeia! A nossa equipa de atletismo cometeu a proeza de conquistar o segundo troféu europeu esta época. Após se sagrar campeã europeia de clubes em corta-mato, em simultâneo com a equipa masculina, um feito inédito nos quase 112 de história do nosso Clube. Chegou a hora no passado domingo, em Birmingham, de confirmar o título de bicampeão europeu de clubes de pista, repetindo o feito de 2016 (no ano passado a prova que era prevista ter lugar na Turquia não se disputou por questões de segurança, caso contrário poderíamos agora estar a falar do “tri”). Parabéns, Leoas! Orgulho imenso.

Atravessamos um dos períodos em que o ADN eclético do Sporting CP mais glória tem conhecido na sua longa e rica história. Falamos não só destas conquistas europeias, mas também naquelas que têm vindo a engradecer o nosso palmarés nas mais diversas modalidades, como exaltamos de seguida.

No domingo, foi dia do futebol feminino conquistar novamente a Taça de Portugal no Estádio Nacional, no mítico Jamor. Desta forma, as nossas Leoas conseguiram um feito único, a “tripleta”: Campeonato Nacional, Taça de Portugal e Supertaça. Na segunda época de regresso do futebol feminino, o pleno nacional, tudo o que havia para conquistar! Parabéns, Leoas! Orgulho imenso.

Continuando no feminino e também com a conquista de um “bi”, o nosso râguebi sagrou-se uma vez mais campeão nacional, demonstrando toda a sua supremacia. Parabéns, Leoas! Orgulho imenso.

Também em outra modalidade que regressou esta época, falamos do voleibol, após os seniores masculinos se terem sagrado campeões nacionais, foi agora a vez do feminino confirmar também a conquista do título da categoria no passado fim-de-semana. A nossa equipa feminina, ao contrário da masculina, regressou à competição iniciando o seu percurso nos escalões inferiores, tendo esta época assegurado a subida à 2.ª Divisão nacional. Parabéns, Leoas! Orgulho imenso.

A ginástica do Sporting também tem somado títulos como destacamos na última edição do nosso jornal e que irá ter o seu primeiro Sarau Anual, na casa das modalidades, no próximo domingo. Trata-se da primeira vez que o Pavilhão João Rocha recebe este importante evento do calendário anual da nossa ginástica, agora em casa própria, o que traz um valor simbólico adcional. Parabéns, Ginástica! Orgulho imenso.

Voltemos aos escalões masculinos e às modalidades de Pavilhão. O andebol terminou a época desportiva, como bicampeão, falhando no passado domingo a conquista da Taça de Portugal, em final disputada na cidade do Peso da Régua. Andebol e Voleibol conquistaram os títulos de campeões nacionais, estando ainda na disputa do mesmo troféu o hóquei em patins e futsal, sendo que a possibilidade de se fazer o pleno nestas modalidades é um feito inédito que é possível de alcançar.

O futsal do Sporting continua bem e recomenda-se. A disputar os play-off para apuramento do campeão nacional, a nossa equipa eliminou a Burinhosa nos quartos-de-final, tendo agora pela frente o Modicus nas meias-finais. A outra meia-final irá opor o Sp. Braga e os nossos vizinhos da Luz. Continuamos bem posicionados para podermos alcançar o tão desejado “tri”.

Após uma vitória épica por 4-7 sobre os nossos eternos rivais no dérbi na Luz, o nosso Clube recuperou a liderança isolada no hóquei em patins. Com um ponto de diferença sobre o segundo classificado, o FC Porto e mais quatro que o Benfica, quando faltam as duas derradeiras jornadas. A próxima jornada é já no próximo sábado, com o Pavilhão João Rocha a assistir ao jogo que poderá atribuir o título de campeão nacional, com a nossa equipa a receber o FC Porto e a ter de vencer para conquistar um troféu que lhe foge há 31 anos. Vamos apoiar o nosso Clube nesta importante e decisiva conquista.

Boa leitura!

Mulheres com garra em destaque no Jornal Sporting

Por Jornal Sporting
31 maio, 2018

Títulos no feminino (atletismo, futebol, voleibol e râguebi) 'pintam' a primeira página da edição 3.678

O Jornal Sporting desta semana escreveu-se... no feminino. Não de forma literal, claro, mas foram, principalmente, as conquistas das nossas 'mulheres com garra' que deram cor à edição n.º 3.678. Vamos por partes. 

Em Birmingham (Inglaterra), a equipa de atletismo revalidou o título de campeã na Taça dos Clubes Campeões Europeus. Depois de um atraso no final da primeira jornada quase irrecuperável, as leoas foram aos limites para trazer mais um título internacional para Alvalade (o sétimo do Presidente Bruno de Carvalho em apenas cinco anos). 
 
Seguiu-se a brilhante conquista da Taça de Portugal de futebol no Jamor frente ao Sp. Braga e após prolongamento (1-0). Três intervenções monumentais de Patrícias Morais e um golo do outro Mundo de Diana Silva empurraram as bicampeãs para a vitória. O Sporting CP continua a provar não ter rival na modalidade a nível nacional: em duas épocas, as orientadas de Nuno Cristóvão venceram 57 dos 61 jogos disputados nas competições oficiais, registando apenas quatro empates. No total, até ao momento, são dois campeonatos, duas Taças de Portugal e uma Supertaça, sendo que o sucesso não tem fim à vista. 
 
Também as meninas do râguebi e do voleibol levantaram os troféus nas respectivas provas. Enquanto as primeiras somaram nova dobradinha, juntando à prova-rainha o título no Torneio de Sevens; as segundas carimbaram a subida à II Divisão, com um percurso imaculado de 29 vitórias noutras tantas partidas. 
 
Em destaque está também a goleada do hóquei em patins no Pavilhão da Luz (7-4), os últimos episódios da visita à China e a resposta da Direcção ao ultimato de Jaime Marta Soares, Presidente demissionário da Mesa da Assembleia-Geral. Leia isto e muito mais no Jornal Sporting desta quinta-feira. 
Foto DR

Vitalidade das modalidades

Por Jornal Sporting
24 maio, 2018

Editorial do Director do Jornal Sporting na edição n.º 3677

Os últimos acontecimentos têm ofuscado aquilo que é um dos grandes traços identitários do nosso Clube, o seu ecletismo. Ao contrário do futebol profissional masculino que terminou a época desportiva no passado domingo, as nossas modalidades encontram-se na derradeira fase decisiva, disputando vários troféus, nacionais e europeus.

O futebol feminino, depois de ter revalidado o título de campeão nacional, tem agora a possibilidade de conquistar a dobradinha pelo segundo ano consecutivo. O Estádio Nacional vai voltar a abrir as portas do seu palco maior, no próximo domingo, para mais uma final da Taça de Portugal. A nossa equipa terá pela frente o Sp. Braga, uma disputa entre os primeiros e segundos classificados do campeonato. Contamos com a participação do nosso “camisola 12” para apoiar as Leoas nesta importante competição e levá-las à conquista de mais um troféu.

Na passada semana, o ténis de mesa revalidou o título de campeão nacional, o culminar de toda a supremacia demonstrada ao longo do ano, onde se inclui uma honrosa participação na “Champions”, apenas travados nas meias-finais pelo campeão europeu. Parabéns Campeões!

Recordamos o voleibol em época de regresso da modalidade ao Clube, após 23 anos de interregno: voltou a sagrar-se campeão nacional, um feito que aqui já fizemos referência em edições anteriores.

O hóquei em patins continua na disputa pelo título, tendo na última jornada recuperado o primeiro lugar após vitória contundente sobre o Paço de Arcos (13-2) e aproveitando o empate a sete bolas entre Porto e Benfica. Somamos agora 62 pontos, mais um do que os nossos rivais, Porto e Benfica. Faltam apenas três jornadas e a próxima deslocação é à Luz. Continuamos na luta!

O futsal, após ter conquistado a Supertaça e Taça de Portugal e de ter atingido a final da “Champions”, disputa agora o playoff que vai ditar o campeão nacional. No próximo fim-de-semana terão lugar no Pavilhão João Rocha o segundo e terceiro (se necessário) jogos dos quartos-de-finais da Liga Sport Zone em que a nossa equipa defrontará o Burinhosa. 

O andebol após se ter sagrado bicampeão nacional, onde evidenciou toda a sua supremacia, e de ter participado na “Champions” vai disputar no próximo fim-de-semana, na cidade da Régua, a Taça de Portugal. No sábado, um difícil encontro nas meias-finais frente ao FC Porto e, se tudo correr como esperamos, disputaremos a final no domingo.

Se considerarmos as principais modalidades de pavilhão e as conquistas de campeonatos nacionais, verificamos que já vencemos no voleibol e no andebol. No que respeita ao futsal, depois de termos vencido a fase regular, estamos a disputar os playoff. No hóquei em patins regressámos à liderança e estamos na luta. Quer isto dizer que das quatro, já ganhámos duas e estamos na disputa nas duas restantes. Isto demonstra bem a vitalidade das nossas modalidades, a sua qualidade e competitividade. 

Mas caro leitor, se os feitos que narrei já nos deixavam orgulhosos, a cereja no topo do bolo pode vir do Alexander Stadium, em Birmingham, onde neste fim-de-semana se irá disputar a Taça dos Clubes Campeões Europeus de pista em atletismo. A nossa equipa feminina é uma forte candidata à reconquista deste troféu. Como é sabido no ano passado esta competição que estava prevista ser disputada na Turquia não se disputou por questões de segurança, tendo a nossa equipa saído vencedora no ano anterior. 

Recordamos que esta época as nossa equipas masculinas e femininas de atletismo conseguiram um feito inédito que nem no tempo do saudoso Professor Moniz Pereira fora alcançado, a conquista simultânea da Taça dos Clubes Campeões Europeus de corta-mato, em masculinos e femininos. Se no próximo domingo, a nossa equipa atingir glória que merece e desejamos, será o quarto título europeu esta época, três dos quais no atletismo. Estamos convosco Leoas!

O atletismo do Sporting ao longo da história conquistou já 17 títulos europeus, 16 em masculinos e um em feminino. Estamos assim com a possibilidade de atingir a “maioridade” se atingirmos os 18 títulos no atletismo, e os 29 se somarmos a totalidade das modalidades do Clube. Que venha a Glória!

Boa leitura!

Páginas

Subscreva RSS - Jornal Sporting