Your browser is out-of-date!

Update your browser to view this website correctly. Update my browser now

×

Roller Hockey

Foto D.R.

Sporting CP vence Benfica e sobe à liderança

Por Jornal Sporting
22 Mar, 2017

A equipa de juniores triunfou por 4-1 no dérbi da oitava jornada do Campeonato Nacional

A oitava jornada (Zona Sul D) do Campeonato Nacional de sub-20 não podia ter corrido de melhor maneira para os jovens leões do hóquei em patins. Só a vitória interessava frente ao eterno rival, o Benfica, para passarem para a liderança da classificação e conseguiram-na. De forma categórica, diga-se. 

Com o marcador final a registar 4-1 a favor dos verdes e brancos, não restaram dúvidas quanto à superioridade leonina no eterno dérbi. Manuel Coimbra (2), Rafael Lourenço e Tomás Moreira marcaram os golos do lado do Sporting CP, enquanto Pedro Batista foi o finalizador dos encarnados. 
 
Depois deste saboroso triunfo, a formação leonina sobe à liderança da classificação geral com 19 pontos, mais um do que as águias. Até ao momento, o conjunto comandado por Nuno Lopes soma seis vitórias, um empate e uma derrota em oito jogos disputados nesta primeira fase. Na próxima jornada, o Sporting CP desloca-se até ao terreno do Campo Ourique. 
Foto José Cruz

"Não me vou escudar em ter chegado há pouco tempo"

Por Jornal Sporting
18 Mar, 2017

Paulo Freitas reconhece alguns erros e garante que os leões melhorarão os processos

O treinador principal da equipa A de hóquei em patins do Sporting CP, Paulo Freitas, admitiu a superioridade do FC Porto, assumindo a responsabilidade da derrota nos 16 avos-de-final sem aceitar a justificação dos poucos dias de trabalho com o plantel verde e branco: "Se perdemos, significa claramente que temos de melhorar. Não me vou escudar no facto de ter chegado há pouco tempo. Há erros próprios, a corrigir no futuro", esclareceu o ex-treinador do Óquei de Barcelos, contratado na última terça-feira.

 Na curta declaração à TVI 24 no pós-jogo, Paulo Freitas deixou no ar algumas críticas às decisões de arbitragem, colocando o mote para o que se segue no Campeonato Nacional, a única competição em que os leões estão agora inseridos: "Houve algumas coisas que não compreendemos e não gostámos. O Sporting CP tem de ser mais respeitado. Mas repito, ficámos fora de jogo porque cometemos erros. Temos uma equipa com qualidade e estamos focados em melhorar".

Foto José Cruz

FC Porto afasta leões da Taça de Portugal

Por Jornal Sporting
18 Mar, 2017

Estreia de Paulo Freitas no comando técnico deu-se no Dragão Caixa e acabou com sabor amargo (8-3)

O sorteio dos 16 avos-de-final da Taça de Portugal não havia sido abonatório para o Sporting CP. A deslocação ao Dragão Caixa é sempre complicada e acabou por custar a eliminação precoce da equipa, agora orientada por Paulo Freitas.

O jogo ficou marcado por um equilíbrio evidente, mas o 8-3 é claro e reflecte a superioridade do FC Porto na finalização. Hélder Nunes e Gonçalo Alves marcaram três golos cada, mas Nélson Filipe, o guardião azul e branco, foi cumprimentado por todos os companheiros e adversários devido ao grande desempenho.

O FC Porto adiantou-se cedo e logo a dobrar. Hélder Nunes marcou de livre directo, após excelente oportunidade de Pedro Gil, e bisou menos um minuto depois em finalização competente. Aos 17', Hélder Nunes converteu um livre directo, tendo Sergi Miras reduzido, aos 19', na conversão de um penálti. Mesmo sem diminuir a diferença, o Sporting CP foi mais forte e perigou a baliza de Nélson Filipe várias vezes.

Na segunda parte, Pedro Gil desperdiçou dois livres directos (32' e 39'). Rafa Costa ampliou para 4-1 e, aos 36', Caio desferiu um 'tiro' que valeu o 4-2. Só que Vítor Hugo aproveitou infelicidade de Ângelo Girão para fazer o quinto, logo depois do lance falhado por Pedro Gil. De seguida, apareceu o festival Gonçalo Alves. Aos 42' e 50' de penálti, aos 49' num bem-sucedido toque à boca da baliza. Pelo meio (47'), Sergi Miras fez o terceiro dos leões, novamente em situação de power-play.

A partida ficou marcada por um número grande de faltas (17-15), tendo o Clube leonino apresentado algumas queixas no que toca às decisões de arbitragem.

O detentor da Taça de Portugal permanece em prova. Ao Sporting CP, depois de arredados da Liga Europeia, resta o foco total no Campeonato Nacional.

 

Foto José Cruz

"Estamos motivados para o clássico"

Por Jornal Sporting
17 Mar, 2017

João Pinto garantiu que o Sporting CP está focado em realizar uma excelente partida frente ao FC Porto

João Pinto, capitão da equipa de hóquei em patins do Sporting CP, mostrou-se confiante na antevisão ao confronto frente ao FC Porto, este sábado no Dragão Caixa, em partida referente aos 16 avos-de-final da Taça de Portugal.

“Vai ser um jogo entre duas grandes equipas, a eliminar. Damo-nos bem neste tipo de partidas, nos mata-mata, como se costuma dizer. Estamos a trabalhar bem, fortes e motivados para o clássico”, começou por dizer o jogador leonino à Sporting TV, antes de garantir que os leões vão apresentar-se em rinque com carácter e personalidade na estreia do mister Paulo Freitas ao comando dos verde e brancos.

“O Sporting CP vai apresentar-se igual a si mesmo, dentro dos níveis de ambição, de raça, de dedicação ao jogo. Um Sporting CP de carácter e personalidade, que já faz parte do nosso ADN. Estivemos a aprimorar esta semana alguns aspectos com o mister novo, que já nos conhece a todos, e já estamos habituados aos métodos de trabalho”, explicou, sublinhando a ambição presente no balneário.

“Sinto que estamos focados e com grande vontade de jogar sábado, contra uma grande equipa. Queremos muito jogar estes jogos. Só nos interessa a vitória, numa competição que começa agora. Por isso, estamos em pé de igualdade, o que é um factor de motivação para qualquer equipa”, frisou.

Por último, uma mensagem aos Sportinguistas. “Gostava que os adeptos fossem a extensão da equipa em campo, como é hábito. Apoiem-nos e dêem-nos a vossa força, que nós precisamos. Vamos retribuir com vontade dentro de campo”, rematou.

Foto José Cruz

"Queremos ir ao Dragão Caixa para passar a eliminatória"

Por Jornal Sporting
17 Mar, 2017

Técnico Paulo Freitas salienta ambição no primeiro encontro pelo leão, em partida referente aos 16 avos-de-final

O treinador da equipa sénior de hóquei em patins do Sporting CP, Paulo Freitas, estreia-se este sábado no comando dos verdes e brancos e expressou ambição em eliminar o FC Porto nos 16 avos-de-final da Taça de Portugal: "Nos clássicos não há favoritos e encaramos o jogo com a perspectiva de o ganhar. Estamos a trabalhar e não vamos 'agarrar-nos' ao facto de ter chegado há pouco tempo. Queremos ir ao Dragão Caixa (pavilhão do FC Porto) discutir o resultado e passar a eliminatória".

Contratado esta semana, o ex-técnico do Óquei de Barcelos exibiu-se confortável com a pressão de treinar um emblema histórico como o do leão rampante, reiterando preparação e vontade para cumprir os objectivos traçados: "Quando chegamos a um clube com a pressão que tem o Sporting, necessariamente temos de pensar em ganhar. A pressão é algo que acontece em todos os momentos da nossa vida e somos felizardos por fazer aquilo de que gostamos. Sou mais um a lutar pelos mesmos objectivos".

Paulo Freitas elogiou o percurso do técnico adversário, Guillem Cabestany, garantindo que a adaptação decorre favoravelmente, ele que até já havia orientado Ângelo Girão e o capitão João Pinto: "Fui muito bem recebido. Conheci, obviamente, todos os jogadores, uns de relação mais próxima do que outros. O FC Porto leva dois anos com o seu treinador e tem uma filosofia muito própria, já consolidada. É uma formação tremenda, mas não imbatível".

Foto José Cruz

"Talento individual ganha jogos, o colectivo vence campeonatos"

Por Jornal Sporting
14 Mar, 2017

O ex-treinador do Óquei de Barcelos, Paulo Freitas, sabe o que o guia como novo treinador da formação leonina de hóquei em patins

Paulo Freitas foi esta terça-feira anunciado como técnico principal da equipa sénior de hóquei em patins e deu conta da sua alegria aos meios de comunicação do Sporting CP: "Quando chegamos a um clube como o Sporting CP, o objectivo é vencer, ser sempre feliz a ganhar. Estou neste grande Clube, com uma tradição imensa no hóquei em patins, o maior Clube em termos de eclectismo em Portugal. Tanto eu como o Sporting CP estamos sedentos de triunfos e sabemos que o talento individual ganha jogos, enquanto o colectivo vence campeonatos". 

Chegado ao emblema do leão rampante proveniente do Óquei de Barcelos, Freitas deu o primeiro treino ao plantel verde e branco e explicou o que o move e o que pretende dos seus jogadores: "O treino foi fácil, acabou por ser um bom dia de trabalho. Queremos conquistar títulos. Os jogadores percebem os objectivos a que estão propostos. Podem contar comigo para defender o Sporting CP de forma inteligente".

Consumado o reencontro com Ângelo Girão e João Pinto, seus ex-jogadores, o novo treinador garantiu que há muitos objectivos para cumprir e que podem esperar um equilíbrio entre o que introduzirá no processo de jogo e o que até aqui foi feito: "Foi interessante voltarmos a cruzar-nos... Conseguimos falar um bocado, mas nada de mais. Tenho um enorme respeito por esta instituição e por quem aqui passou. Há princípios de jogo diferentes, mas temos de alterar paulatinamente. Temos um jogo muito importante [deslocação ao Dragão Caixa a contar para a Taça de Portugal] e não poderíamos mudar tudo".

Foto César Santos

Domínio Sportinguista na convocatória dos sub-15

Por Jornal Sporting
10 Mar, 2017

Cinco dos 11 atletas chamados à Selecção Distrital alinham pelos leões

A Selecção Distrital de Lisboa contará com a presença de cinco atletas leoninos na convocatória dos sub-15.

Na concentração que agrupa os melhores do distrito, marcada para dia 12 de Março no Pavilhão do Sporting Clube de Torres, a formação do Sporting CP é a mais representada. Estão cinco leões entre os 11 convocados para um treino conjunto.

Martim Leite, Rodrigo Vieira, Gonçalo Gomes, João Abreu, Kyllian Aguera Gil representarão o Sporting CP. No escalão que engloba jovens entre os 14 e os 15 anos, o Benfica conta com três atletas e Paço de Arcos, S. Alenquer e Sporting Clube de Torres colocam, cada um deles, um jogador nos eleitos.

Foto César Santos

Onze golos para carimbar a terceira vitória seguida no campeonato

Por Jornal Sporting
05 Mar, 2017

11-3 final espelha a superioridade ante o Riba d'Ave e permite aproximação ao segundo lugar

O Sporting CP entrou determinado a provar que queria aproveitar o empate do Benfica (2.º) frente à Juventude de Viana (6.º) e aos cinco minutos já batia, por 3-0, o Riba d'Ave, em partida referente à 17.ª jornada do Campeonato Nacional. Em Alverca, Pedro Gil abriu a contagem aos dois minutos e poucos segundos volvidos Poka rematava de longa distância para o segundo tento leonino. Aos cinco, o capitão João Pinto desviou um remate de Pedro Gil e garantiu um avanço confortável de 3-0.´Aos 19', Caio concretiza uma excelente jogada individual com um remate cruzado. 

O Riba d'Ave melhorou e perigou a baliza leonina nos minutos seguintes. Hugo Azevedo atirou à baliza de Ângelo Girão e o remate sofreu um desvio infeliz de Pedro Gil, reduzindo para 3-1, aos oito minutos.

Ângelo Girão ainda defendeu dois livres directos, mas não impediu que o Riba d'Ave voltasse a diminuir a diferença, novamente com um desvio de um companheiro para a sua baliza. Aos 22', Tuco alterou a trajectória do passe de Victor Hugo Moreira. Antes do descanso (23'), Ferran Font voltou a dar um conforto de três golos, garantindo o 5-2 ao intervalo.

André Centeno foi a figura da segunda parte. Regressado de lesão, fez dois golos, aos 26' e 32', após brilhantes jogadas de Pedro Gil e João Pinto, respectivamente, e salientou a importância de voltar aos golos: "Estive parado um mês. Era fundamental jogar e marcar é sempre importante. Sabíamos também que era relevante ganhar para aumentar os níveis de confiança".

Pelo meio, aos 30', o espanhol Pedro Gil bisava. Aos 41', Ferran Font teve a ajuda de um opositor para fazer o nono dos leões. O Riba d'Ave ainda aproveitou alguma gestão por parte do Sporting CP e Pimenta fez o terceiro tento daquele que era o 10.º classificado da liga e que havia perdido na primeira volta diante dos leões, no seu recinto, por 4-2. Nos últimos 45 segundos de jogo, Tuco estreou-se nos marcadores do jogo e Caio fez o seu segundo, fechando as contas da partida em 11-3.

Com o triunfo, os leões somaram a terceira vitória consecutiva no campeonato e mantiveram o quarto posto ainda a cinco pontos de FC Porto, mas mais perto do segundo Benfica (a seis). A líder Oliveirense continua a sete pontos de distância e o próximo encontro dos leões é a contar para a Taça de Portugal diante dos azuis e brancos.

 

Foto César Santos

“Acredito que vamos estar a um bom nível”

Por Jornal Sporting
03 Mar, 2017

Ferran Font quer conquistar mais três pontos na recepção ao Riba D’Ave

Ferran Font fez a antevisão da partida deste domingo (17h30) frente ao Riba D´Ave, referente à 17.ª jornada do Campeonato Nacional, afirmando que os leões esperam conquistar mais uma vitória. “Acredito que vamos estar a um bom nível, como temos estado nos últimos jogos. Queremos continuar a melhorar. Temos que ter muita intensidade para conseguir o objectivo, que é conquistar mais três pontos”, realçou, em declarações à Sporting TV.

O jovem espanhol, que está a cumprir a primeira época no Sporting CP, disse ainda que de dia para dia se sente melhor e deixou um apelo aos Sportinguistas. “Estou melhor do que quando cheguei. Já estou totalmente adaptado e a trabalhar para ser cada vez melhor. Em relação aos adeptos, espero que compareçam em grande número para nos ajudarem em mais um jogo importante, como são todos”, concluiu.

Foto César Santos

“Temos de ter a máxima concentração”

Por Jornal Sporting
03 Mar, 2017

Guillem Pérez realçou que o Sporting CP não pode facilitar na recepção ao Riba D’ave

A equipa de hóquei do Sporting CP recebe este domingo o Riba D´Ave, em jogo da 17.ª jornada do Campeonato Nacional. Uma partida em que Guillem Pérez afirma que os leões não podem facilitar. “É um jogo parecido aos que temos feito ultimamente. Temos de ter a máxima concentração durante o jogo todo, caso contrário podemos ser surpreendidos. Queremos fazer um bom jogo, que os jogadores desfrutem e se sintam bem, e claro ganhar”, começou por dizer, em declarações exclusivas ao Jornal Sporting, antes de abordar as maiores dificuldades que o Sporting CP vai encontrar.

“Tem jogadores muito experientes, com um remate muito forte. Vão defender e o nosso problema pode ser ficarmos nervosos se nos primeiros remates a bola não entrar. Não nos podemos precipitar e temos de estar constantemente concentrados. Vamos ter muito tempo a posse de bola, já que nos nossos jogos, geralmente, é assim. Frente ao Candelária fizemos um jogo perfeito na defesa e temos de o voltar a fazer, para assim termos ao nosso dispor contra-ataques”, destacou.

Os leões voltam assim a Alverca e o técnico espanhol espera um pavilhão cheio para apoiar a equipa. “Os adeptos são sempre muito importantes. Nestes jogos, em que as equipas vão com certeza defender, o apoio deles é essencial e ajuda-nos muito. Dão uma força extra a todos os jogadores e esperamos que encham o pavilhão”, finalizou. 

Páginas

Subscreva RSS - Hóquei em Patins