Your browser is out-of-date!

Update your browser to view this website correctly. Update my browser now

×

Está aqui

LONDRES – 27 de Julho a 12 de Agosto de 2012

EMANUEL SILVA – MEDALHA DE PRATA EM K2 1.000M (com Fernando Pimenta, 3.09.646)

Medalha de ouro: Rudolf Dombi e Roland Kökény (Hungria, 3.09.646)

Pedro Fraga e Nuno Mendes – 5.º lugar em Double Scull Ligeiro

Medalha de ouro: Said Aouita (Marrocos, 13.05.59)

André Silva – 5.º lugar de Equipas em ténis de mesa

Medalha de ouro: China

João Pedro Silva – 9.º lugar individual no triatlo (1.47.51)

Medalha de ouro: Alistair Brownlee (Grã-Bretanha, 1.46.25)

Clarisse Cruz – 11.º lugar nos 3.000m obstáculos (9.32.44)

Medalha de ouro: Yuliya Zaripova (Rússia, 9.06.72)

João Vieira – 11.º lugar nos 20km marcha (1.20.41)

Medalha de ouro: Chen Ding (China, 1.18.46)

Labyad (Marrocos) – 11.º lugar no futebol

Medalha de ouro: México

Patrícia Mamona – 13.º lugar no triplo salto (14.11)

Medalha de ouro: Olga Rypakova (Cazaquistão, 14.98)

Vera Barbosa – 7.º lugar na Série 1 das meias-finais dos 400m barreiras (56.27)

Medalha de ouro: Natalya Antyukh (Rússia, 52.70)

Joana Ramos – 2.ª Ronda de judo, -52kg

Medalha de ouro: An Kum-Ae (Coreia do Norte)

João Pina – 2.ª Ronda de judo, -73kg

Medalha de ouro: Mansur Isaev (Rússia)

Edi Maia – 24.º lugar no salto com vara (5.20)

Medalha de ouro: Renaud Lavillenie (França, 5.97)

Pedro Pinotes (Angola) – 30.º lugar nos 400 metros estilos (4.24.69)

Medalha de ouro: Ryan Lochte (4.05.18)

Maria Leonor Tavares – 31.º lugar no salto com vara (4.10)

Medalha de ouro: Jennifer Suhr (EUA, 4.75)

Irina Rodrigues – 32.º lugar no lançamento do disco (57.23)

Medalha de ouro: Sandra Perkovic (Croácia, 69.11)

João de Almeida – 6.º lugar na Série 2 da 1.ª Eliminatória dos 110m barreiras (13.69)

Medalha de ouro: Aries Merritt (EUA, 12.92)

Vânia Silva – 35.º lugar no lançamento do martelo (62.81)

Medalha de ouro: Tatyana Lysenko (Rússia, 78.18)

Vera Santos – 49.º lugar nos 20km marcha (1.35.51)

Medalha de ouro: Elena Lashmanova (Rússia, 1.25.02)

João Vieira – desistiu nos 50km marcha

Medalha de ouro: Sergei Kirdyapkin (Rússia, 3.35.59)

A comitiva nacional era grande mas foram sobretudo as modalidades ‘aquáticas’ que mais brilharam e com o ‘leão’ Emanuel Silva à cabeça – em K2 1.000 metros com Fernando Pimenta, numa das finais mais emocionantes da canoagem, o atleta conseguiu conquistar a medalha de prata na terceira participação nos Jogos. A festa em Eton Dorney foi mais do que muita: uma modalidade em constante evolução que conseguiu a plena afirmação em Londres, para gáudio dos muitos portugueses presentes. Também a dupla Pedro Fraga e Nuno Mendes conseguiu um grande percurso em Double Scull Ligeiro, com um quinto lugar na final entre os ‘pesos pesados’ da modalidade.

Os Jogos de Londres foram um exemplo paradigmático de organização (muito marcada pela segurança, com todos os veículos e pessoas que entravam na Aldeia Olímpica a serem alvos de cuidadosas revistas), rentabilização de instalações e... grandes competições desportivas. Entre os atletas ‘verde e brancos’, destaque ainda para as boas prestações de João Silva (triatlo), João Vieira e Clarisse Cruz (atletismo).

A figura dos Jogos de 2012: Mo Farah

Usain Bolt voltou a ‘limpar’ por completo o atletismo de velocidade e Michael Phelps tornou-se o atleta com mais medalhas olímpicas conquistadas. De uma ou outra forma, estes seriam sempre os grandes destaques dos Jogos de 2012, não fosse o brilhante comportamento da comitiva britânica, em especial Mo Farah, o atleta mais ganhador de sempre do país. Nascido na Somália filho de pai britânico, o pequeno grande herói local chegou ao Reino Unido com apenas oito anos sem falar uma palavra de inglês, começou a jogar futebol mas passou para o corta-mato antes de chegar ao meio-fundo e fundo. Aí, e depois dos primeiros lugares no Europeu de 2010 e nos Mundiais de 2011, conquistou duas medalhas de ouro nos 5.000 e 10.000 metros nas Olimpíadas, colocando em delírio um Estádio Olímpico que todos os dias enchia... uma hora antes do início das provas.

A história dos Jogos de 2012: Queen Elizabeth

A cerimónia de abertura era aguardada com grande expectativa e o cineasta Danny Boile não desiludiu – o espectáculo foi considerado um dos melhores de sempre e contou com a presença de uma ‘actriz’ especial: a rainha Isabel participou numa curta-metragem com o agente 007 James Bond (interpretado por Daniel Craig), partindo do Palácio de Buckingham de helicóptero para uma volta à Grã-Bretanha que terminou com um salto de paraquedas para o Estádio Olímpico. Foi um delírio entre a assistência... Depois do ‘Hey Jude’ de Paul McCartney a fechar a abertura, a cerimónia de encerramento, concluída pelos The Who, voltou a juntar as estrelas pop Spice Girls.

Os mais medalhados dos Jogos de 2012

EUA: 103 medalhas (46 ouros, 28 pratas e 29 bronzes)

RFA: 88 medalhas (38 ouros, 28 pratas e 22 bronzes)

Rússia: 81 medalhas (24 ouros, 25 pratas e 32 bronzes)