Your browser is out-of-date!

Update your browser to view this website correctly. Update my browser now

×

Sporting Olympics - Rio 2016 - Tóquio 2020

Francis Obikwelu

  • 41 Anos Atletismo
  • Data de nascimento 22 novembro 1978 195 cm | 79 kg
  • País Portugal

Está aqui

Biografia
Francis Obiona Obikwelu

Chegou a Portugal em 1994. Dez anos depois ganhou uma medalha de prata olímpica. Mais de 20 anos depois, voltará aos Jogos Olímpicos.

Nigeriano e filho de um futebolista, Obikwelu começou, como o pai, no futebol. Foi uma lesão que o levou ao atletismo que não mais deixou. Apenas com 15 anos, em 1994, veio a Lisboa participar num Mundial de juniores. E não voltou mais. De Lisboa mudou-se para o Algarve – para, imagine-se, trabalhar na construção civil -, mas graças a um treinador que viu em si potencial, voltou para a capital dois anos mais tarde, para o Belenenses.

A partir daí foi tudo rápido, como ele. Foi rápido a mudar-se para o Sporting, ainda no mesmo ano em que voltou para Lisboa. Foi rápido a destacar-se nas provas, tendo sido Campeão Mundial júnior de 100 e 200 metros.

O maior feito da sua carreira viria a ser conquistado em 2004, ano em que conseguiu a medalha de prata nos Jogos Olímpicos de Atenas, conseguida na prova dos 100m. Terminada a prova, era visível a felicidade no rosto de Obikwelu. “Foi excelente, fiquei mesmo muito contente. Ainda não tenho palavras para descrever o que senti na altura”, confessa o velocista, que recorda como foram os momentos antes do início da prova: “Estava muito tranquilo. Não estava pressionado, ao contrário dos outros atletas. Não tinha medo de errar e só queria chegar à meta o mais rápido possível. Controlei a minha energia até à final, corri muito bem e o resultado agradou-me”, contou.

Percorrendo os 100 metros em 9,86 segundos, o velocista arrebatou o recorde nacional e europeu da categoria, que, passada uma década, se mantém na sua posse. Para Obikwelu, “a nível europeu alguém há-de conseguir superar a marca de Atenas, mas a nível nacional vai ser muito difícil batê-lo”.

Em 2008, nos Jogos Olímpicos de Pequim, o atleta do Sporting CP não conseguiu semelhante sucesso, tendo sido eliminado nas meias-finais. Perante a fase difícil na sua carreira, Obikwelu chegou mesmo a afirmar que se iria reformar com 29 anos, mas entretanto reponderou a sua decisão. Hoje, dez anos depois da medalha de prata e com 35 anos, o luso-nigeriano preparar-se-á certamente para os seus últimos Jogos Olímpicos. Para trás ficam um sem número de vitórias e medalhas, das quais se destacam, para além das já mencionadas, as de ouro nos Europeus de Munique e Gotemburgo, em 2002 e 2006 respectivamente.

Clubes anteriores
1995-1996 Belenenses
1996- Sporting CP
Prémios

- Vice-campeão olímpico de 100 metros (2004)

- Campeão europeu de 100 metros (2002 e 2006), 200 metros (2006) e 60 metros em pista coberta (2011)

- Vice-campeão europeu de 200 metros (2002)

- 3.º lugar no Mundial de 1999 (200 metros) e no Mundial de pista coberta de 1997 (200 metros)

- Vencedor da Taça do Mundo em 200 metros, 2.º lugar em 100 metros (2006) e 3.º lugar em 100 metros (2002)

- Campeão mundial de Juniores em 1996 (100 metros e 200 metros)

- Campeão africano de 200 metros e 4x100 metros em 1999 (2.º lugar nos 100 metros)

- Recordista da Europa de 100 metros (9.86 em 2004)

- Recordista de Portugal de 100 metros (9.86 em 2004), 200 metros (20.01 em 2006), 4x100 metros (38.79 em 2014) e 60 metros pista coberta (6.53 em 2011)

- 28 vezes internacional por Portugal: 25 em pista (incluindo Jogos Olímpicos de 2004 e 2008, Mundiais de 2005, 2007 e 2009 e Europeus de 2002, 2006, 2010 e 2014) e três em pista coberta (Mundiais de 2004 e 2008 e Europeu de 2011). Pela Nigéria esteve nos Jogos de 1996 e 2000 e nos Mundiais (Ar Livre e Pista Coberta) de 1997 e 1999

- Nove vezes campeão de Portugal de 100 metros (2004, 2005, 2006, 2009 e 2010), 200 metros (2002, 2003 e 2007) e 60 metros pista coberta (2008)