Your browser is out-of-date!

Update your browser to view this website correctly. Update my browser now

×

Taxonomy term

Foto César Santos

Coates: "Quero dar tudo por quem confiou em mim"

Por Jornal Sporting
12 maio, 2016

Qualidade do central uruguaio fez com que o Sporting CP prolongasse por mais um ano o empréstimo do Sunderland

Sebastián Coates assinou pelos ‘leões’ em Janeiro e, para muitos dos adeptos do Clube de Alvalade, o central uruguaio era desconhecido. No entanto, depressa apareceu a opinião do seu companheiro de selecção e ex-colega em Liverpool, Luís Suárez: “Um jogador como o Sebastián acrescenta muita qualidade a uma equipa. Tenho a certeza de que será um excelente reforço”. Na verdade, à medida que Coates ia envergando a listada ‘verde e branca’, as declarações de Suárez foram-se revelando verdadeiras. A forma como Sebastián se impôs na defesa ‘leonina’, formando uma dupla extraordinária com Rúben Semedo, justifica na totalidade o prolongamento por mais um ano do empréstimo do Sunderland ao Sporting CP. O jogador não esconde as razões que o fizeram tomar esta decisão.

“Todos os jogadores sonham jogar num Clube onde se lute por títulos, com objectivos ambiciosos, e isso fez a diferença na minha vinda e na minha continuação”, referiu, para depois explicar o porquê de já se ter aventurado no ataque: “Pessoalmente, a minha primeira função é a de defender, mas se posso ajudar e chegar mais longe no ataque, fá-lo-ei”.

A preocupação de Jorge Jesus com o sector recuado foi algo que surpreendeu o internacional uruguaio de forma positiva, isto porque apesar de ter consciência de que os golos são necessários para conquistar vitórias, o trabalho na defesa é um pormenor que pode definir a vitória ou a derrota ao longo do encontro.

“O treinador preocupa-se muito com o que é defensivamente a equipa. Logicamente que os jogos se ganham com golos, mas ele preocupa-se muito em trabalhar a defesa e toda a equipa a defender. Isso não só nem todos os treinadores o fazem, como poucos o fazem. É isso que faz a diferença”, vincou Sebastián, que com os seus 1,96m tem sido uma autêntica parede nos duelos aéreos. No entanto, o central não esqueceu e reforçou a importância dos adeptos, a força que transmitem durante os noventa minutos de qualquer partida: “Encontrei um excelente Clube, com adeptos que estão sempre a puxar pelos jogadores e isso também faz com que o Sporting seja muito importante. Quero dar tudo por esta camisola, pelo Clube, por quem confiou em mim e oxalá que, colectivamente, tenhamos os resultados que todos queremos”.

Nos dias que correm, já não há nenhum adepto ‘sportinguista’ que não saiba que Coates é sinónimo de segurança defensiva e aplauda a alcunha que o atleta trouxe do Uruguai: ‘o chefe’.

Leia a entrevista na íntegra na edição do Jornal Sporting desta semana. 

Foto César Santos

Bruno de Carvalho: “Não há campeões antecipados”

Por Jornal Sporting
12 maio, 2016

O Presidente do Sporting deu uma entrevista exclusiva ao jornal do Clube antes da jornada decisiva

Temos de recuar 42 anos para podermos passar os olhos pela última vez em que Sporting CP e Benfica levaram a decisão do título português para a última jornada. Foi em 1974 que o ‘suspense’ ficou preso em milhões de gargantas até ao último apito do último jogo do Campeonato Nacional. A história não favorece o Clube de Alvalade, isto porque das 25 vezes em que esta situação aconteceu, no século XXI, quem entrou na frente acabou por festejar. O Presidente ‘leonino’ não se rende perante as estatísticas e ainda acredita numa reviravolta épica.

“À entrada para a última jornada, estamos a dois pontos do primeiro lugar. Não é, com certeza, o lugar onde gostaríamos de estar; gostávamos de estar em primeiro e não estamos. Ma estamos absolutamente focados neste jogo que falta e sabemos que, até ao último segundo, tudo pode acontecer – é essa a beleza do futebol. Enquanto matematicamente for possível e enquanto a vontade for grande tudo pode acontecer”, afirmou em entrevista exclusiva ao Jornal Sporting, referindo também o ambiente que se vive em torno deste último embate contra o Sp. Braga: “Vejo a equipa do Sporting CP completamente focada neste encontro e a acreditar que até ao fim pode ter a felicidade de comemorar um título que nos foge há muitos anos. Vamos, pelo menos, fazer o que está ao nosso alcance para alcançar o objectivo e isso passa por vencer este último jogo e acreditar até ao último segundo”.

É verdade que o sucesso ‘verde e branco’ não depende somente do que se passar no Estádio Municipal de Braga. Na Luz, à mesma hora do Sp. Braga-Sporting CP, estará a disputar-se o Benfica-Nacional, e Bruno de Carvalho não acredita que os jogadores do conjunto ‘madeirense’ queiram ser os “bobos da festa”.

“Quanto ao Benfica-Nacional, tenho andado a observar e ouvir o que se diz e parece que o Nacional não conta, que o adversário não tem mínimo interessa e que o jogo está ganho. Tenho sentido isso nas palavras dos comentadores afectos ao Benfica, mas não acredito nisso” vincou, antes de deixar rasgados elogios ao trabalho que tem sido feito por Rui Alves, o presidente ‘nacionalista’: “Sei que o Nacional é uma grande equipa, não acredito que queiram ser os bobos da festa do Campeonato. Sei o trabalho que o presidente Rui Alves faz ao colocar o Nacional no mapa e a verdade é que o Nacional começou a surgir e a lutar por lugares cimeiros, sendo uma presença assídua e natural na I Liga. O Benfica estará motivado porque a vitória lhe garantirá o Campeonato, acho que o Nacional vai estar motivadíssimo porque tem sido desdenhado nestes últimos tempos e isso não é merecido para uma equipa que tem feito as épocas que tem feito e que ganhou por mérito próprio o seu lugar neste Campeonato”.

Bruno de Carvalho rejeita balanços da temporada antes do soar dos apitos, embora o que se tem passado ao longo da mesma venha dar razão à competitividade que o líder ‘verde e branco’ sempre defendeu que iria existir. 

“O nosso objectivo sempre foi lutarmos e sermos campeões nacionais. Estamos a lutar e só no final veremos se somos ou não campeões. Só a partir daí dará para fazer o balanço desta época. Agora, mantendo o que disse o início desta temporada em relação a termos três grandes equipas que se reforçaram muito bem que seria um Campeonato muito bem disputados, com grandes jogadores, e que tinha a certeza de que seria um Campeonato que iria agradar aos amantes do futebol”, comentou, para depois finalizar com o desejo de que o lado bonito desta modalidade tem de continuar a passar dentro e não fora das quatro linhas, porque só assim haverá margem de progressão: “O jogo fora das quatro linhas está a emperrar o futebol português e não o deixa progredir. As pessoas lá fora também já o perceberam e é muito importante que as coisas se alterem e que consigamos ter estes Campeonatos bem disputados até ao fim, com boas equipas mas que consigamos acompanhar com outro tipo d dirigismo e regulamentação para que possamos crescer todos porque, no fundo, somos todos rivais mas vivemos todos do mesmo negócio, o futebol”.

Poderá ler a entrevista na íntegra na edição desta semana do Jornal Sporting. 

Foto Mário Vasa

"Parabéns à minha equipa e ao Sporting CP"

Por Sporting CP
05 Jul, 2020

Reacções após o 'triplete' no ténis de mesa

Após a conquista do Campeonato Nacional de ténis de mesa graças ao triunfo sobre o GD Toledos no Centro de Alto Rendimento de Vila Nova de Gaia (3-0) - que se juntou à Supertaça e à Taça de Portugal já conquistadas em 2019/2020 -, atletas, treinadores e dirigentes da equipa do Sporting Clube de Portugal não esconderam a satisfação pelo quinto título consecutivo. Em declarações ao Jornal Sporting e à Sporting TV, Chen Shi Chao, Diogo Carvalho, Aruna Quadri e Miguel Almeida falaram sobre um objectivo cumprido no seguimento de uma longa e dura paragem competitiva.

Chen Shi Chao (treinador)
"Hoje foi o final da época e a minha equipa conseguiu assegurar este troféu. (...) Foi preciso disciplina de treino, principalmente depois de pararmos muito tempo [devido à pandemia de COVID-19]. Parabéns, porque é muito difícil desta maneira. (...) Parabéns à minha equipa e ao Sporting CP pela Supertaça, Taça de Portugal e, hoje, Campeonato Nacional."

Diogo Carvalho (atleta)
"A nossa equipa era favorita e trabalhámos jogo a jogo. Estivemos sempre muito bem durante a época e fomos vitoriosos no final, dando o título ao Sporting CP, que era o mais importante."

"Estivemos parados sem competir, situação que não estamos habituados. Isso incomodou-nos bastante, tal como às outras equipas. Estávamos com algum receio de voltar à competição, mas estivemos muito bem e conseguimos alcançar a vitória."

"O nosso objectivo era ganhar a Supertaça, a Taça de Portugal e o Campeonato Nacional. Cumprimos o objectivo apesar da pandemia. Estivemos todos muito bem e é um orgulho dar este título ao Sporting CP."

Aruna Quadri (atleta)
"Estou muito feliz por jogar no Sporting CP há cinco anos. Este vai ser o meu último ano no Sporting CP e estou muito feliz por ganhar este título mais uma vez."

"Éramos favoritos, mas esta situação de vários meses sem competição foi difícil. Conseguimos ganhar e foi muito bom para o Sporting CP. (...) É muito bom e vou-me lembrar deste momento para sempre."

Miguel Almeida (director do ténis-de-mesa do Sporting CP)
"Foi atípico porque estivemos três ou quatro meses sem competir, o que tornou tudo mais difícil. Ganhámos e completámos o 'triplete' com a Supertaça, a Taça de Portugal e o Campeonato Nacional. Podíamos ter conquistado uma competição europeia em que estávamos nas meias-finais, mas não se disputou".

"Foi uma final bem disputada. O GD Toledos tem uma boa equipa. Temos sempre uma pequena vantagem em relação ao adversário, mas foi um jogo muito bom. Ganhámos e, como esperávamos, fomos campeões nacionais."

Foto Mário Vasa

Pentacampeões Nacionais

Por Sporting CP
05 Jul, 2020

Ténis de mesa conquistou 37.º Campeonato Nacional da história

O Sporting Clube de Portugal venceu, pela quinta vez consecutiva, o Campeonato Nacional de ténis de mesa masculino na tarde deste domingo. O conjunto comandado por Chen Shi Chao superou o GD Toledos por 3-0 no segundo jogo da final, que teve lugar durante o fim-de-semana no Centro de Alto Rendimento de Vila Nova de Gaia.

Depois do 3-0 do dia anterior, tudo ficou resolvido logo no jogo inicial, com Diogo Carvalho a bater Énio Mendes por 3-1. Depois de duas vitórias consecutivas por 11-3, o atleta do GD Toledos triunfou por 5-11, mas o Leão não alimentou mais as esperanças do adversário: 11-5 e conquista do jogo inicial. Com esta vitória, o Sporting CP garantiu a conquista do Pentacampeonato Nacional, o 37.º Campeonato Nacional da história e o 'triplete' de competições em 2019/2020 - o emblema de Alvalade já havia conquistado a Taça de Portugal e a Supertaça.

Ainda assim, o duelo continuou e seguiu-se Aruna Quadri, que venceu Diogo Silva por 3-1 apesar de ter entrado a perder por 5-11. A partir daí, triunfos por 11-6, 11-7 e 11-3 para o nigeriano. Por fim, Bode Abiodun bateu Boboye Oyeniyan por 3-0 com os resultados de 11-8, 11-5 e 11-8, fechando as contas.

Fechou assim com chave de ouro mais uma temporada para o ténis de mesa Leonino, que continua com a hegemonia a nível nacional.

Sporting CP 3-0 GD Toledos
Diogo Carvalho 3-1 Énio Mendes (11-3, 11-3, 5-11 e 11-5)
Aruna Quadri 3-1 Diogo Silva (5-11, 11-6, 11-7 e 11-3)
Bode Abiodun 3-0 Boboye Oyeniyan (11-8, 11-5 e 11-8)

Foto Pedro Zenkl

Em vantagem na final

Por Sporting CP
04 Jul, 2020

Vitória sobre o GD Toledos

O Sporting Clube de Portugal bateu o GD Toledos por 3-0 no primeiro jogo da final do Campeonato Nacional de ténis de mesa. O encontro realizou-se no Centro de Alto Rendimento de Vila Nova de Gaia e os Leões podem revalidar o título este domingo.

Aruna Quadri abriu o desafio ao vencer Énio Mendes por 3-2, ainda que com oposição forte. O nigeriano esteve a perder por 1-2, mas deu a volta e amealhou o primeiro triunfo da tarde.

Seguiram-se Diogo Carvalho, que superou Diogo Silva por 3-1, e Bode Abiodun, que bateu Boboye Oyeniyan pelo mesmo resultado, a fecharem o marcador em 3-0 para o Clube de Alvalade.

Este domingo, 5 de Julho, Sporting CP e GD Toledos encontram-se no mesmo local às 16h00 para decidirem quem vai ser o vencedor do Campeonato Nacional 2019/2020.

Sporting CP 3-0 GD Toledos
Aruna Quadri 3-2 Énio Mendes (11-4, 9-11, 7-11, 11-7 e 11-3)
Diogo Carvalho 3-1 Diogo Silva (13-11, 9-11, 11-8 e 11-7)
Bode Abiodun 3-1 Boboye Oyeniyan (11-8, 11-4, 10-12 e 11-6)

Foto José Lorvão

Fase final começa na Luz

Por Sporting CP
11 Mar, 2020

Definidos jogos decisivos do Campeonato Nacional Placard

Realizou-se esta quarta-feira o sorteio da fase final do Campeonato Nacional Placard, com a equipa de andebol do Sporting Clube de Portugal a ficar a saber que vai visitar o rival SL Benfica na jornada inaugural.

O dérbi está marcado para o próximo dia 21 de Março, sendo que a deslocação à Dragão Arena, casa do FC Porto, vai acontecer na terceira jornada. O último jogo da fase final, que termina em Maio, vai acontecer no recinto do CF "Os Belenenses".

Os Leões começam a fase final na segunda posição com 38 pontos, menos um do que o FC Porto.

Confira todas as jornadas e as respectivas datas provisórias:

1.ª jornada (21/03)
SL Benfica vs. Sporting CP

2.ª jornada (28/03)
Sporting CP vs. ABC

3.º jornada (01/04)
FC Porto vs. Sporting CP

4.ª jornada (08/04)
AA Águas Santas vs. Sporting CP

5.ª jornada (11/04)
Sporting CP vs. CF "Os Belenenses"

6.ª jornada (25/04)
Sporting CP vs. SL Benfica

7.ª jornada (02/05)
ABC vs. Sporting CP

8.ª jornada (09/05)
Sporting CP vs. FC Porto

9.ª jornada (13/05)
Sporting CP vs. AA Águas Santas

10.ª jornada (16/05)
CF "Os Belenenses" vs. Sporting CP

Páginas

Subscreva RSS - Campeonato Nacional