Your browser is out-of-date!

Update your browser to view this website correctly. Update my browser now

×

Taxonomy term

Sporting TV com quatro directos no fim-de-semana

Por Jornal Sporting
01 Abr, 2016

Futebol de formação e futsal em destaque na programação do Canal do Clube

A Sporting TV terá um fim-de-semana em cheio, com um total de quatro transmissões em directo e exclusivo do futebol de formação e do futsal ‘leonino’.

Assim, a maratona começa amanhã, sábado, com a recepção dos juvenis do Sporting CP ao V. Setúbal, na Academia, às 15 horas, a contar para sétima jornada da Zona Sul da segunda fase do Campeonato Nacional Sub-17.

Mais tarde, as atenções viram-se para o Pavilhão Multiusos de Odivelas, onde a equipa de seniores masculinos de futsal defronta o Boavista para a 22.ª jornada da Liga SportZone (17 horas) e a formação de seniores femininos enfrenta o Vermoim, numa partida relativa aos quartos-de-final da Taça de Portugal (19 horas).

No domingo, dia 3, o Canal do Clube regressa à Academia para a transmissão do jogo do conjunto de juniores frente ao Rio Ave, a contar para a quinta jornada da fase final do Campeonato Nacional Sub-19.

De referir ainda que, na quarta-feira, dia 6, a Sporting TV contará com mais dois grandes directos em exclusivo: o Sporting B-Desp. Chaves, da 39.ª jornada do Campeonato Nacional da II Liga Ledman LigaPro (16 horas), e o Sporting-FC Porto, relativo à 20.ª jornada do Campeonato Nacional da 1.ª Divisão de hóquei em patins (21 horas).

Sporting TV com duas transmissões este sábado

Por Jornal Sporting
25 Mar, 2016

Iniciados de futebol e seniores de andebol em exclusivo no Canal do Clube

A Sporting TV terá duas transmissões em directo e exclusivo neste sábado, marcado pela época da Páscoa que motivou a paragem de alguns dos campeonatos.

Assim, a partir das 15 horas, poderá ver a partir do CGD Stadium Aurélio Pereira à recepção da equipa de iniciados à Académica, a contar para a décima e última jornada da Zona Centro da segunda fase do Campeonato Nacional Sub-15.

Mais tarde, às 18 horas, o Canal do Clube centra atenções no Pavilhão Municipal do Casal Vistoso, onde a equipa de andebol recebe o ABC no segundo jogo da meia-final do ‘playoff’ do Campeonato Fidelidade Andebol 1.

De referir ainda que poderá acompanhar a restante actualidade do Clube nos blocos informativos da Sporting TV, nomeadamente a deslocação do futsal a Alcobaça para defrontar a Burinhosa e os muitos torneios de Páscoa com formações ‘leoninas’.

Na terça-feira, às 21 horas, poderá também assistir em directo e exclusivo à recepção do conjunto de basquetebol ao GDESSA, no Pavilhão da Escola Secundária do Lumiar, relativa à 22.ª jornada do Campeonato Nacional da Liga Feminina.

A 'Hora do Presidente', hoje na Sporting TV

Por Jornal Sporting
24 Mar, 2016

Dias Ferreira é assistente no processo dos ‘vouchers’

Por Jornal Sporting
04 Mar, 2016

Anúncio feito em entrevista ao ‘Juízo Final’, da Sporting TV

Dias Ferreira anunciou esta noite, no programa ‘Juízo Final’, da Sporting TV, que se constituiu assistente, a título individual, no processo dos ‘vouchers’. O antigo dirigente ‘leonino’ pode assim ajudar a Instrução a apurar a verdade no caso denunciado pelo Presidente do Sporting CP, Bruno de Carvalho, que diz respeito a ofertas feitas pelo Benfica a árbitros.

“Fi-lo porque entendo que daquilo que li da Comissão Disciplinar e daquilo que conhecemos todos, há matéria que devemos averiguar. O objectivo é poder colaborar em assuntos que conheço há muitos anos, do fenómeno da arbitragem. Posso sugerir fazer perguntas ou que se convoquem determinadas pessoas que eu saiba que podem saber alguma coisa, no fundo auxiliar a Instrução tanto quanto possível”, começou por explicar o jurista. “Parece-me óbvio que uma das primeiras pessoas a ser ouvida, como foi na Comissão Disciplinar, será o presidente do Benfica, que confessou, ‘ipsis verbis’, que o Benfica, nas épocas de 2013/14, 2014/15 e já na época corrente, tinha essa prática e chamando à atenção que o ponto essencial daquelas ofertas eram os ‘vouchers’ para as visitas ao Museu Cosme Damião e ao Museu da Cerveja. É uma coisa que merece averiguação. Também é óbvio sugerir que os próprios árbitros sejam ouvidos de uma maneira diferente do que foram no processo disciplinar. Não faz sentido que sejam ouvidos, quase como se se tratasse do preenchimento de um formulário”.

“A lei permite a constituição de assistentes neste processo. Na generalidade dos casos, o assistente é o ofendido. Aqui não fui ofendido, mas é uma norma excepcional do Código do Processo Penal que permite a qualquer cidadão nos seus direitos, e reunidos determinados pressupostos, constituir-se assistente em processos que têm por objecto a eventual prática de crimes de corrupção, tráficos de influência, etc. – crimes que são do interesse público”.

Dias Ferreira considerou ainda “surpreendente” o arquivamento do caso e acredita que o Departamento de Investigação e Acção Penal (DIAP) terá condições para melhor averiguar a verdade.

“Tenho interesse, como cidadão e como jurista, em perceber se uma determinada conduta tem mal ou não. O que não posso aceitar é uma decisão da Comissão Disciplinar, da qual resulta que se eu oferecer 299 euros não há mal nenhum e se for 300 ou 301 já tem mal. Isto para mim choca-me e não está nas normas disciplinares portuguesas”, acrescentou Dias Ferreira.

Sporting TV estreia grelha de programação

Por Jornal Sporting
03 Mar, 2016

Novos espaços, mais opinião e mais informação do País e do Mundo

A Sporting TV está a estrear, esta semana, uma grelha de programação com novos espaços de informação e entretenimento e a renovação de alguns já existentes, de forma a apostar numa cobertura cada vez mais atenta à realidade e ao dia-a-dia do Clube, em trazer mais histórias, mais opinião com assinatura e mais entrevistas com figuras de dentro e de fora do Sporting CP, simultaneamente com um olhar mais profundo sobre o País e o Mundo.

No capítulo da informação diária, a principal novidade vai para o novo programa ‘Juízo Final’ (segunda a sexta-feira, das 21h às 21h30), que estreou esta terça-feira, e onde um convidado analisa a actualidade exibindo cartões verdes, amarelos e vermelhos.

Os espaços noticiosos diários começam com o ‘Primeira Parte’ (de segunda a sexta-feira, 11h-12h30), onde, além da revista de imprensa desportiva e generalista, há um convidado ligado às modalidades ou a outros aspectos da vida do Clube, havendo ainda, sempre que possível, ligações à Academia para dar conta dos treinos da equipa principal de futebol; segue-se o ‘Sporting Notícias’ (14h25-15h e das 18h20-19h), também de segunda a sexta-feira; e finalmente o ‘Sporting Grande Jornal’, o principal espaço informativo diário, que começa de segunda a domingo às 21h30, com a duração de uma hora – com excepção dos dias de jogos em casa da equipa principal de futebol (passa a uma hora e meia).

Ainda no capítulo informativo, destaque para o ‘Sporting Entrevista’, que é agora transmitido uma vez por semana, sem dia fixo, com a duração de uma hora; ‘E Agora’, um programa em que Sportinguistas com opinião certificada comentam vários temas da vida nacional e internacional; o ‘Avenida Portugal’, onde agentes políticos Sportinguistas dos vários quadrantes, e com representação parlamentar, comentam a actualidade política; o ‘Especial’, um espaço de debate sobre temas de última hora que justifiquem um tratamento mais alargado; e a ‘Memória do Dia’, que costumava ser exibido no final dos espaços informativos e que agora se autonomiza como um programa (segunda a domingo), destacando os feitos dos atletas do Clube.

Na grelha, continuam ‘A Hora do Presidente’ (todos os meses); o ‘Especial Jornada’ (à segunda e à sexta-feira), que passa a uma hora de duração e onde dois comentadores opinam sobre o futebol falado e jogado em Portugal; o ‘Pavilhão Sporting’ (terça-feira às 22h35), em que se dá destaque às modalidades ‘leoninas’ também ao longo de uma hora; o ‘Sporting Reportagem’ (domingo, 22h35), onde o trabalho jornalístico exibido vai abrir mais o leque de temas para mostrar que o Sporting CP é um agente de mudança no vida das pessoas e do País; ‘A Semana’ (sábado às 22h30), que é a revista da semana de sete dias; e o ‘Ao Minuto’ (segunda a domingo), em que as imagens contam a história.

No capítulo do entretenimento, os ‘reforços’ nos programas são o ‘Curva Belíssima’ (quinta-feira, 23h35), onde um painel de três mulheres, conduzidas por Rita Matos, dizem o que pensam; o ‘Sabia Que’ (segunda a sexta, 22h27), onde se conta a história do Clube através de perguntas colocadas aos Sportinguistas, testando os conhecimentos dos adeptos, por um lado, e informando, por outro; e o ‘Olhó Milhafre’ (terças, 21h27), onde se reporta para o formato televisivo o sucesso do ‘Milhafre Orlando’ nas redes sociais.

Da grelha antiga transitam, mas reformulados, o ‘Núcleo Duro’ (segunda, 23h35) que agora dá a conhecer não só os Núcleos do Sporting CP, mas também as localidades e a comunidade onde se inserem; o ‘Futebol de Perdição’ (sexta, 23h35), que estreia um novo cenário mas mantém o humor no tratamento dos assuntos futebolísticos; o ‘Sofá Verde’ (segunda a sexta, 14h05) que é o principal espaço cultural diário do Canal, agora conduzido por Paulo Fernandes, com compacto ao fim-de-semana (domingo, 14h); e o Topo da Tabela (sábado, 14h), que volta a ter uma hora de duração e onde, além de mostrar os gostos culturais dos atletas do Clube, é reforçado com topo de vendas semanal de discos, livros, cinema e aplicações mais descarregadas.

Fim-de-semana com três directos na Sporting TV

Por Jornal Sporting
26 Fev, 2016

Hóquei em patins, andebol e futsal em directo e exclusivo no Canal do Clube

Depois de um fim-de-semana de futebol, com juniores, juvenis e equipa B, segue-se um fim-de-semana de modalidades e também em versão tripla na Sporting TV, com transmissões em directo e em exclusivo de hóquei em patins, andebol e futsal.

Assim, poderá acompanhar amanhã, sábado, às 16 horas, a recepção dos seniores de hóquei em patins ao Candelária, a contar para a 18.ª jornada do Campeonato Nacional da 1.ª Divisão. O encontro vai realizar-se no Pavilhão do SC Torres, em Torres Vedras.

Mais tarde, a partir das 20h30, é a vez do andebol ser destaque, com a transmissão do segundo jogo dos quartos-de-final do ‘playoff’ do Campeonato Fidelidade Andebol 1 frente ao Águas Santas. A partida vai disputar-se no Pavilhão do Ginásio Clube do Sul, na Cova da Piedade.

No domingo à tarde, entra em acção o conjunto de seniores masculinos de futsal, que recebe no Pavilhão Multiusos de Odivelas o Leões de Porto Salvo às 16 horas para a 18.ª jornada da fase regular da Liga SportZone, com transmissão em directo e exclusivo.

Acompanhe ainda a antevisão e rescaldo da deslocação da equipa principal de futebol a Guimarães, na segunda-feira, bem como outros pontos altos do fim-de-semana como a partida da equipa B em Olhão ou os jogos de râguebi, pólo aquático e basquetebol dos ‘leões’ nos blocos noticiosos do Canal do Clube.

Fim-de-semana com três directos de futebol

Por Jornal Sporting
19 Fev, 2016

Clássico de juniores, 'derby' de juvenis e equipa B com Freamunde em exclusivo

O Sporting CP é um Clube conhecido pelas mais de 40 modalidades mas este será um fim-de-semana grande no Canal do Clube de futebol, com a transmissão de três encontros em directo e exclusivo entre sábado e domingo.

Assim, pode começar por ver amanhã, sábado, no CGD Stadium Aurélio Pereira, a primeira jornada da fase final do Campeonato Nacional Sub-19, entre Sporting CP e FC Porto. O encontro terá início às 15 horas.

No domingo de manhã, a partir das 10 horas, o Canal do Clube regressa à Academia para transmitir a recepção dos ‘leões’ ao Benfica, a contar para a quarta jornada da Zona Sul da segunda fase do Campeonato Nacional Sub-17. Mais tarde, às 15 horas, veja também o encontro entre a equipa B ‘verde e branca’ e o Freamunde, relativo à 31.ª jornada do Campeonato Nacional da II Liga, mais conhecida por Ledman LigaPro.

Em paralelo, veja também nos blocos noticiosos os resumos e rescaldos das principais modalidades do Clube, que terão de novo um fim-de-semana muito preenchido.

Sporting TV transmite cinco jogos este fim-de-semana

Por Jornal Sporting
12 Fev, 2016

Futebol, futsal e hóquei em patins em destaque na programação do Canal

A programação da Sporting TV contará com a transmissão de cinco jogos (quatro em directo, um em diferido) ao longo do fim-de-semana, mais um que promete prender os Sportinguistas aos campos, pavilhões e... televisores no apoio às equipas ‘leoninas’.

Assim, poderá ver amanhã, sábado, a partir das 16 horas, a transmissão em directo e exclusivo do Sporting CP-Benfica, a contar para a 16.ª jornada do Campeonato Nacional da 1.ª Divisão de hóquei em patins.

Duas horas antes, às 14 horas, o Canal vai abrir um espaço de antevisão não só ao ‘derby’ mas também à deslocação da equipa principal de futebol à Madeira (18h30), a contar para a 22.ª jornada da Liga NOS, e à recepção da equipa B ao Oriental, jogo relativo à 29.ª jornada do Campeonato Nacional da II Liga que passará em diferido às 22 horas.

No domingo, as atenções centram-se logo de manhã na Academia, onde o conjunto de iniciados procura defender a liderança frente ao SL Cartaxo num encontro da quarta jornada da Zona Centro da segunda fase do Campeonato Nacional Sub-15.

À tarde, o futsal terá espaço de destaque, com a transmissão em directo e exclusivo da recepção da equipa de seniores femininos ao Vermoim, a contar para a segunda jornada da fase final do Campeonato Nacional (16 horas), e do jogo dos juniores masculinos frente ao Caxinas, relativo à primeira jornada da fase final do Campeonato Nacional Sub-20.

Veja também nos blocos informativos os resultados do Clube em modalidades como o atletismo, o judo ou o triatlo, que estarão em acção no fim-de-semana.

Três directos na Sporting TV no fim-de-semana

Por Jornal Sporting
15 Jan, 2016

Hóquei em patins, andebol e equipa B em destaque no Canal do Clube

A Sporting TV volta a ter este fim-de-semana uma programação repleta de directos das mais diversas modalidades, entre outros encontros que passarão em diferido.

Assim, poderá acompanhar amanhã, sábado, a segunda mão dos oitavos-de-final da Taça CERS de hóquei em patins, que coloca os ‘leões’ diante dos alemães do Cronenberg. O jogo terá início a partir das 16 horas no Pavilhão do SC Livramento, em Mafra.

No mesmo dia, às 18 horas, poderá também ver em directo e em exclusivo a recepção da equipa de seniores masculinos ao Madeira SAD, a contar para a 18.ª jornada da fase regular do Campeonato Fidelidade Andebol 1. A partida disputa-se no Pavilhão do Ginásio do Sul, na Cova da Piedade.

No domingo, a partir das 15 horas, passará em directo e exclusivo o encontro entre o Sporting B e o Mafra, relativo à 25.ª jornada do Campeonato Nacional da II Liga. O jogo realiza-se no CGD Stadium Aurélio Pereira.

Além disso, poderá ver ou rever na noite de sábado a recepção da equipa principal de futebol ao Tondela e os apontamentos de reportagem sobre várias modalidades e a vida do Clube, nomeadamente a Assembleia Geral que se realiza no sábado.

"Sinto que ainda não têm noção real do que é o Sporting"

Por Jornal Sporting
08 Jan, 2016

Bruno de Carvalho marcou presença no programa 'A Hora do Presidente'

Bruno de Carvalho marcou presença em mais um programa ‘A Hora do Presidente’ na Sporting TV e, ao longo de uma hora, abordou vários temas do Universo ‘leonino’, como a dimensão do Clube, o contrato com a NOS, a política de desespero dos rivais, o caso Doyen, a Assembleia do próximo sábado e o regresso do ciclismo, entre outros temas. Aqui ficam os principais excertos da entrevista do líder do Clube na passada quinta-feira.

O que é ser líder? “Ser líder é ser ousado, ter muita paciência e tentar ser um motivador por natureza. Mas sobretudo acho que as duas grandes definições de líder são a audácia e a perseverança. São as duas palavras que têm que caracterizar mais aquele que quer ser líder. Tenho dito várias vezes que é impossível liderar sem ter os pés assentes na terra e sem saber perfeitamente para onde queremos caminhar. É isso que o define: pragmatismo, muita calma, ponderação, audácia. É prever cenários e arriscar. Para se fazer uma boa liderança, tem que se ser audaz. Costuma dizer-se que a sorte protege os audazes mas a sorte dá muito trabalho e um líder tem que ser o primeiro a dar o exemplo para que depois toda a equipa trabalhe da mesma forma do que ele”.

A dimensão do Sporting. “Gostava de explicar que, enquanto Presidente do Sporting, não estou preocupado com a casa dos outros. Preocupo-me com o Clube, a situação que se vivia e aquilo que é a defesa dos valores do Sporting, as suas regras, ideias, aquilo que é, de facto, a sua marca. O que me chateia é a questão de quem fez o melhor contrato. Tenho 43 anos e sinto que as pessoas ainda não têm a noção real daquilo que é o Sporting Clube de Portugal. Nenhum daqueles chavões que vão marcando a actualidade é real. Os seis milhões, os 14 milhões, Portugal a vermelho, o Mundo a azul. Já visitei filiais em todo o Mundo e vi com os meus olhos a dimensão do Sporting Clube de Portugal. Este negócio provou isso – a dimensão do Sporting. Quando não há esses títulos no futebol – e já ganhei uma Taça de Portugal e uma Supertaça, estou a falar de Campeonatos – esse peso é questionado. O Sporting é gigante e isso vê-se nos Associados e no contrato que fez. Por isso é que digo que o Clube tem de começar a ganhar títulos para que a sua dimensão seja alavancada pelas vitórias”.

Os ‘experts’ que falam do que não sabem. “Vejo muitos ‘experts’ a fazerem contas estranhas onde faltam conhecimentos do que é a economia e do que está nesses contratos. Não fazem ideia dos activos e dos custos desses mesmos activos na Sporting TV, na Benfica TV e no Porto Canal, por exemplo. Volto a dizer: o que o Sporting vendeu foi a publicidade estática de primeira linha que está sempre associada ao operador, tudo o resto é nosso como sempre foi, à excepção da publicidade na camisola e da Sporting TV na NOS em exclusividade, como referimos. Luís Filipe Vieira deu uma entrevista de oito páginas para dizer duas coisas: que vai meter processos a mim, ao Sporting e a todos; e que em Janeiro se vai sentar com a NOS para renegociar – só essas ideias mostram que o Sporting fez o melhor contrato. Toda essa campanha devia, no mínimo, ser coerente, mas nem isso é: por um lado colocam os peões de brega a dizer que o contrato foi melhor; por outro, põem a figura máxima a dizer que vai renegociar. Diz que tem uma cláusula automática? O Sporting também. Por isso, vai ser engraçado”.

A política do desespero. “O futebol, infelizmente, é altamente previsível. Informação, contra-informação, mas tudo de forma medieval, descarada, desesperada. Diz-se também que o Benfica foi o grande impulsionador disto tudo. Quero dizer que quem liderou o processo foi o presidente Vale e Azevedo, quando rasgou o primeiro contrato... É engraçado que Rui Gomes da Silva, que faz parte dos órgãos sociais do Benfica, tenha dado a informação ao Mundo de que o Benfica tinha secado o mercado e que o FC Porto e o Sporting não conseguiriam nem metade – isso não aconteceu, o que prova que não lideraram o processo. Queriam a fatia de ‘leão’ mas não perceberam que o ‘leão’ está do outro lado da 2.ª Circular. Existe uma política de manipulação que é extensível ao futebol, como aconteceu com os erros grosseiros que se viram no V. Guimarães-Benfica. Depois quando o Sporting ganha sem casos, vem cá para fora que os árbitros tiveram nota negativa. São pressões vis, uma política de desespero e de descaramento total. Vítor Pereira continua a fazer nomeações que ninguém percebe. Aquilo não é pereira, parece uma peneira porque vem tudo cá para fora. É assustador porque as pessoas que estão no futebol não conseguem mudar isto e é preciso fazê-lo”.

As arbitragens e os ‘vouchers’. “No outro dia perguntaram-me se não falava demasiado de arbitragens. Pelo contrário, sou das pessoas que desde que cheguei mais defendeu a classe dos árbitros e a introdução das novas tecnologias no futebol. Os árbitros têm de ser olhados com respeito e para isso têm de ser feitas alterações. Há um desespero geral porque já se percebeu que tenho razão. Quando as coisas começam a ser explicadas, o que não é fácil, tem os seus efeitos. Não há ninguém, à excepção de dois ou três comentadores, que não seja a favor das novas tecnologias. Essa é uma das grandes marcas que sinto e quero levar comigo. Em relação aos ‘vouchers’, as pessoas jogam um pouco com o conceito de que o tempo apaga tudo, mas há um problema – o Bruno de Carvalho não deixa apagar. Sim, estou em primeiro, e? Se estiver bem na vida, não vou impedir que um ladrão seja apanhado? Posso estar em primeiro, segundo ou quinto, mas quem fere os regulamentos não o pode fazer”.

A situação das VMOC. “Quero aconselhar as pessoas a que se deem ao trabalho de ir ver um artigo no ‘Expresso’ relacionado com a falência do BES. É engraçado ver as entidades que devem mais dinheiro e que três entidades estão ligadas a Luís Filipe Vieira. Passou-se a ideia de que o Sporting podia ter um problema gravíssimo e que os bancos iam tomar conta do Clube, o que é completamente falso. Tivemos há pouco tempo uma reunião muito agradável e os bancos têm elogiado o quão diferente tem sido, porque antigamente os dirigentes ligavam dia sim, dia não e agora isso não se passa”.

O caso Doyen. “Temos uma tendência de fazer de propósito para tentar esquecer e os nossos rivais têm de pegar em alguma coisa. Quero relembrar que, por iniciativa da Direcção, houve uma Assembleia Geral a 17 de Janeiro, onde fomos levar aos Sócios todo o caminho que estava a ser trilhado, as estratégias para os Sportinguistas perceberem e saberem todas as coisas boas e más desse rumo e pensar em conjunto se esse era o caminho mais correcto. Falei tudo ao pormenor e o apoio foi esmagador numa sala cheia. Não houve, que me lembre, uma intervenção negativa. Se tivesse sentido que não era o que queriam, mudaria. E existem pessoas que fingem que isso não aconteceu. Coincidências da vida: essa decisão apareceu depois da primeira derrota no Campeonato e numa altura em que éramos o único que ainda não tinha negociado os direitos televisivos e o patrocínio nas camisolas. Era um período conturbado, achavam eles. A decisão do caso Doyen foi hedionda. Diziam que não era possível fazer recurso, agora já viram que é. Mas vejamos o resto das coincidências – acharam que estava fragilizado, sai a decisão; depois, há uma entrevista de um conselheiro ‘leonino’, Rui Barreiro, antes de um jogo com o Benfica, o cartaz magnífico colocado durante a noite e nova intervenção às 12h56 de Rui Barreiro. Às 14h, é colocado o acordo de 515 milhões na CMVM. Todos têm direito à opinião, adoro que haja opositores, mas têm de ser um pouco mais inteligentes nas ideias e argumentos”.

Assembleia Geral de sábado. “A Assembleia Geral vai dar todo o tempo que os Sócios entendam que seja necessário para falarem e isso  já está aprovado. Gostava que as pessoas deixassem de se esconder atrás umas das outras e começassem a aparecer e a confrontar, como eu fiz. Fui humilhado, chamaram-me nomes, intimidaram-me a mim e à minha família, mas tinha três minutos e fui lá. A partir do momento em que falamos para fora, temos de falar para dentro. Quem já disse em duas entrevistas ‘Estou aqui’ não tem desculpas, é porque tem ideias e sabe o que quer para o Sporting. Em relação ao cartaz, é tão descabido que não posso acreditar que seja obra de Sportinguistas. Quem monta estas coisas é gato escondido com o rabo de fora. Há uma simbiose de Sportinguistas e benfiquistas em vários grupos de apoio no Facebook, que é mais fácil porque não têm de dar a cara. Devem pensar que somos tolinhos, mas o problema é como existem Sportinguistas que se prestam a servir os nossos rivais. Enquanto estiver no Sporting não há tachos, não há empregos e podem fazer o que quiserem porque o dinheiro do Sporting é para o Sporting. É importante fazer uma análise ao que foi feito e, das 120 medidas – tirando dez que foram redefinidas – temos 100 executadas. E as dez por executar têm a ver com sustentabilidade ambiental e energias limpas mas que, infelizmente, ainda não nos podemos preocupar. Ainda assim, para mim está ainda tudo por fazer. Qualquer pessoa normal que viesse para o Sporting nestes quatro anos quereria equilibrar o Clube; eu não, equilibrei, reestruturei, ganhei, dei força às modalidades, arranquei com o Pavilhão”.

O regresso do ciclismo. “Era nosso objectivo promover o regresso das modalidades históricas. Começámos pelo hóquei em patins e tínhamos no horizonte trazer mais porque apostamos muito forte, em termos de investimento, nas modalidades. O ciclismo era um sonho do Comandante Vicente Moura. Todos sabemos o que se passou com ele e, sinceramente, mesmo estando muito feliz com o contrato com a NOS, o que mais me marcou foi poder dizer-lhe que tínhamos ciclismo e ele dizer-me ‘Vamos vencer’. Está numa situação grave mas consciente e foi das coisas mais emocionantes que vivi ver a alegria nos olhos dele quando lhe mostrei uma foto grande de toda a equipa. Além do orgulho de nos termos associado ao clube mais antigo do Mundo, o CC Tavira, com uma tradição tremenda, temos uma boa equipa, com ambição de vencer e respeitar a tradição do Sporting e do CC Tavira. É nestas coisas que mostramos a nossa dimensão, não somos um clube regional ou de bairro. Somos um Clube de Portugal e verdadeiramente Mundial, porque ninguém pode dizer que tem mais de 300 Núcleos, Filiais e Delegações espalhados pelo Mundo”.

Páginas

Subscreva RSS - Sporting TV