Your browser is out-of-date!

Update your browser to view this website correctly. Update my browser now

×

Futsal

Foto David Martins

Nuno Dias: "O chip é ganhar e jogar bem"

Por Sporting CP
15 maio, 2021

Sporting CP continua imparável

Nuno Dias mostrou-se naturalmente satisfeito com o triunfo do Sporting CP sobre o Portimonense SC (13-2) no segundo jogo dos quartos-de-final da Liga Placard. Um resultado que permitiu aos Leões fecharem as contas da eliminatória logo no segundo encontro, carimbando assim a passagem às meias-finais sem recorrerem ao terceiro jogo.

"A nossa seriedade e a eficácia inicial foram fundamentais e acabaram com as aspirações do Portimonense SC. É de realçar a postura dos jogadores do Sporting CP, a seriedade com que encaram todos os jogos. Têm sempre muita vontade e querem sempre ser melhores, marcar mais golos e jogar melhor", disse o técnico à Sporting TV na zona de entrevistas rápidas, atirando: "É uma característica nossa de há muitos anos e que queremos manter".
 
Nas meias-finais a formação Leonina vai defrontar o AD Modicus ou o CR Leões de Porto Salvo e Nuno Dias não espera facilidades: "Seja quem for o adversário, vai ser uma meia-final interessante e difícil, mas vamos encará-la com esta seriedade. O nosso chip é este: ganhar e jogar bem também".
Foto David Martins

Leões já estão nas ‘meias’ da Liga Placard

Por Sporting CP
15 maio, 2021

Nova vitória sobre o Portimonense SC (13-2)

Os Campeões Europeus de futsal continuam imparáveis também na Liga Placard e já estão nas meias-finais da prova depois de voltarem a vencer, neste sábado, o Portimonense SC, desta feita por 13-2.

Uma exibição de encher o olho e mais do que uma dúzia de golos que confirmam o bom momento que os Leões de Nuno Dias atravessam - e que já não é de agora.

A equipa principal de futsal do Sporting Clube de Portugal colocou-se na frente do marcador logo aos dois minutos de jogo, através de Merlim, e foi somando golo atrás de golo, indo para o intervalo já a vencer por 6-1.

Merlim chegou ao hat-trick ainda na primeira metade, que contou ainda com golos de Cavinato, Taynan e João Matos.

Na segunda metade, os Leões voltaram a marcar cedo, com Rocha a bisar, e não deram hipóteses ao Portimonense SC, embora a equipa algarvia ainda tenha voltado a marcar e tenha obrigado Bernardo Paçó a uma grande defesa à meia-hora de jogo.

Só que quem não marca, sofre e este Sporting CP não sabe colocar o pé no travão. Por isso, prontamente aumentou a diferença de golos e a expressividade da goleada com golos de Merlim - que chegou ao póquer -, Pany Varela, Zicky, Diogo Santos e Rocha - que consumou o hat-trick.

O Portimonense SC ainda teve a possibilidade de encurtar a grande desvantagem através de dois livres directos nos últimos segundos da partida, mas Bernardo Paçó não deixou.

 

Foto José Lorvão

Erick Mendonça: "Portimonense SC não tem nada a perder"

Por Sporting CP
14 maio, 2021

​Futsal a uma vitória de garantir as meias-finais da Liga Placard

Depois da vitória por 3-8 no primeiro jogo dos quartos-de-final do play-off da Liga Placard, diante do Portimonense SC, a equipa de futsal do Sporting Clube de Portugal pode carimbar a passagem às meias-finais já este sábado, no regresso ao Pavilhão João Rocha, em caso de triunfo (14h00).
 
Na antevisão ao encontro, o universal verde e branco Erick Mendonça, que não esteve presente no primeiro jogo, apontou à vitória e consequente qualificação para as meias-finais. 
 
“A nossa expectativa é ganhar. Ao vencermos fora demos um grande passo no caminho para o apuramento. Agora temos dois jogos em casa e só precisamos de ganhar um, portanto o nosso objectivo é a vitória”, começou por dizer, deixando uma garantia em relação ao adversário.
 
“O Portimonense SC vem ao Pavilhão João Rocha para ganhar, não tenho dúvidas. Como está atrás na eliminatória, os jogadores não têm nada a perder. Vão com certeza entrar mais ofensivos do que no primeiro jogo”, sublinhou.
 
Por fim, o jogador Leonino recusou que a recente conquista europeia tenha criado um maior apoio à equipa. “Não o sentimos só desde que vencemos. Felizmente somos uma modalidade, tal como todas as outras no Clube, que tem muito apoio. Ainda assim, com esta conquista europeia, e também a vitória no campeonato de futebol, acredito vai ser ainda maior”, disse.
Foto UEFA

Cinco Leões no melhor plantel da UEFA Futsal Champions League

Por Sporting CP
14 maio, 2021

​Guitta, Erick Mendonça e Alex Merlim já tinham sido escolhidos em 2018/2019

Guitta, Erick Mendonça, Alex Merlim, Pany Varela e Zicky Té, jogadores da equipa de futsal do Sporting CP, que se sagrou campeã europeia no início do mês de Maio, foram escolhidos para fazer parte da lista dos 14 melhores jogadores da UEFA Futsal Champions League 2020/2021.
 
A selecção do melhor plantel da prova, anunciada pela UEFA, ficou a cargo de Miguel Rodrigo, observador técnico do organismo que esteve presente na fase final, em Zadar, na Croácia.
 
O Sporting CP é o emblema com o maior número de representantes nesta lista, com destaque para o jovem de apenas 19 anos Zicky Té, eleito o melhor jogador da final eight e o mais novo de sempre a marcar numa final da competição.
 
Guitta, Erick Mendonça e Alex Merlim já tinham sido escolhidos para o melhor plantel da prova quando os Leões venceram o título pela primeira vez, em 2018/2019, no Cazaquistão.
 
 
Melhor plantel da UEFA Futsal Champions League 2020/2021:
 
Guarda-redes

Didac Plana (Barcelona FC)
Guitta (Sporting CP)

Defesas

Douglas Júnior (KFC Kairat)
José Raya (Inter FS)
Erick (Sporting CP)

Alas

Cecilio (Inter FS)
Alex Merlim (Sporting CP)
Chimba (Ugra-Yugorsk)
Robinho (SL Benfica)
Edson (KFC Kairat)
Pany Varela (Sporting CP)

Pivôs

Ferrão (Barcelona FC)
Pito (Inter FS)
Zicky Té (Sporting CP)

Foto Isabel Silva

Sporting CP recebe nova certificação de entidade formadora

Por Sporting CP
13 maio, 2021

No futsal masculino e no feminino

 O Sporting Clube de Portugal voltou a receber a certificação de entidade formadora de futsal, entregue pela Federação Portuguesa de Futebol e pela Associação de Futebol de Lisboa, com quatro estrelas no masculino e três no feminino.

A cerimónia de entrega dos diplomas e das placas que certificam a qualidade dos projectos decorreu, nesta quinta-feira, na sede da AFL, em Lisboa, e José Carlos Reis, responsável pelas modalidades Leoninas, foi quem recebeu estas distinções.

No final, o dirigente falou aos órgãos de comunicação do Sporting CP, dando conta da satisfação: “É muito importante para o Clube receber estas certificações porque nos ajudam a ser ainda melhores. Nada é por acaso e todo o trabalho que o Sporting CP tem vindo a desenvolver faz com que tenha este resultado. Cabe-nos continuar a trabalhar para desenvolver a modalidade e captar cada vez mais jogadores”.

“A nossa formação tem uma grande qualidade e tem excelentes treinadores que nos dão garantias de um trabalho de grande qualidade e resultados vistos. Não foi por acaso que vencemos a UEFA Futsal Champions League com jogadores muito jovens formados no Clube. Isso é o resultado do trabalho que tem sido feito na formação”, disse ainda, atirando: “Com trabalho, dedicação e empenho há espaço para muitos mais na equipa principal”.  

Três renovações no futsal Leonino

Por Sporting CP
10 maio, 2021

Bernardo Paçó, Tomás Paçó e Zicky Té por mais três temporadas

Bernardo Paçó, Tomás Paçó e Zicky Té, jogadores da equipa de futsal do Sporting Clube de Portugal que se sagraram campeões da Europa no início de Maio, na Croácia, renovaram esta segunda-feira os respectivos contratos com o emblema de Alvalade por mais três temporadas.
 
Formado nos escalões de base verdes e brancos, o trio foi promovido ao plantel principal no início da presente época e tem vindo a ser opção regular para o técnico Nuno Dias, vendo agora o esforço, a dedicação e a devoção serem recompensados com um novo vínculo.
 
"Desde que renovei pela primeira vez, em 2019, sempre tive como objectivo voltar a fazê-lo e continuar a representar este grande Clube. Era algo que já queria há muito tempo e acreditava que podia acontecer num futuro próximo", começou por dizer aos meios de comunicação Leoninos Zicky Té, de 19 anos, que soma já 16 golos em 41 jogos em 2020/2021 e foi considerado o melhor jogador da final eight da UEFA Futsal Champions League, tornando-se também no mais jovem de sempre a marcar numa final da competição. Além disso, estreou-se em convocatórias da selecção nacional em Fevereiro.
 
Apesar de tudo isso, o pivô sublinhou que o foco e os objectivos continuam a ser os mesmos de sempre e não esconde a ambição de conquistar muito mais. "Tendo em conta o ADN que sempre tivemos deste que aqui cheguei, quero conquistar todas as competições em que estivermos inseridos. Temos sempre como objectivo alcançar a vitória", vincou.
 

Tomás Paçó, fixo de 21 anos que chegou ao Sporting CP em 2011/2012 e percorreu todos os escalões de formação, leva já 12 golos num total de 37 jogos esta época e tem estado também em destaque, como provam as excelentes exibições na UEFA Futsal Champions League e também a estreia pela selecção portuguesa no passado mês de Abril, frente à Noruega.
 
"Trabalhei para conseguir esta renovação e nunca tive dúvidas, não pensei noutra coisa a não ser renovar contrato com o Sporting CP. Conseguimos chegar a acordo e estou muito contente. Já fiz coisas bonitas, mas agora quero melhorar a cada dia. Podem contar sempre com o melhor da minha parte", prometeu em mensagem enviada aos Sportinguistas.
 

Bernardo Paçó, guarda-redes de 21 anos que, tal como o irmão, chegou a Alvalade em 2011/2012 e fez todo a sua trajectória de verde e branco, soma 19 encontros esta temporada e também tem merecido a confiança da equipa técnica, agora materializada com este acordo.
 
"Estes anos têm sido de muita aprendizagem. Cresci muito com todos os colegas e equipas técnicas com quem trabalhei. Esta renovação de contrato quer dizer que apostam em mim e isso é muito gratificante. Estou muito feliz e ainda mais motivado para fazer grandes coisas pelo Sporting CP", afirmou, deixando uma garantia. "Sinto que estou mais bem preparado para defender estas cores do que estava no ano passado, mas ainda vou crescer muito", frisou.
 

Por fim, José Almeida, director do futsal Leonino, expressou a sua satisfação por ver três jovens formados em casa a renovarem contrato e assegurou que o trio vai continuar a evoluir.
 
"Temos uma estratégia definida, que é reter os melhores atletas da formação e levá-los até patamares elevados. Os atletas reconhecem isso, têm vontade de demonstrar aqui o seu potencial e, quando assim é, é muito fácil chegar a acordo. Fico muito contente com esta renovação por três anos porque dá margem para eles crescerem ainda mais", finalizou.

Foto Pedro Zenkl

Nuno Dias: "A equipa nunca relaxou"

Por Sporting CP
09 maio, 2021

​Técnico elogiou a "atitude séria" dos jogadores diante do Portimonense SC

No rescaldo do primeiro jogo dos quartos-de-final dos play-offs da Liga Placard, disputado este domingo diante do Portimonense SC, o treinador da equipa de futsal do Sporting CP, Nuno Dias, enalteceu o triunfo por 3-8 e considerou que os Leões estiveram a “um bom nível”.

“A equipa nunca relaxou, esteve concentrada e, ao contrário do que outros poderiam esperar, nunca descarrilou. Tivemos uma atitude séria e o resultado espelha isso mesmo. Começámos muito bem, fomos tendo oportunidades e conseguimos ser eficazes até chegarmos ao 0-3. Depois houve certos momentos de ascendente do Portimonense SC, que tem muita qualidade e conseguiu reagir, criando-nos dificuldades até chegar ao 1-3”, começou por dizer.

“Na segunda parte, já com o resultado em 4-1, entrámos muito bem e voltámos a distanciar-nos. Numa altura em que quebrámos um pouco e se calhar desconcentrámo-nos em alguns momentos, o Portimonense SC conseguiu reduzir. No entanto, rapidamente voltámos ao jogo e o resultado acabou por avolumar-se até ao final. Os jogadores estiveram muito bem, com uma postura correcta, e quando assim é somos uma equipa difícil de bater”, sublinhou.

Por fim, o técnico verde e branco perspectivou o segundo jogo dos quartos-de-final. “Estamos em vantagem e agora vamos jogar um ou dois jogos em casa, mas espero que seja um. A equipa vem de algum desgaste e seria bom não termos de jogar a ‘negra’. Quanto mais rápido decidirmos esta eliminatória, melhor para todos porque teremos mais tempo para descansar e preparar as meias-finais, o que seria muito benéfico nesta fase”, concluiu.

Foto Pedro Zenkl

Leões vencem Portimonense SC

Por Sporting CP
09 maio, 2021

​Sporting CP a um triunfo de garantir as meias-finais da Liga Placard

A equipa de futsal do Sporting Clube de Portugal colocou-se em vantagem nos quartos-de-final dos play-offs, este domingo, ao vencer o Portimonense SC por 3-8 no primeiro jogo da eliminatória. Os Leões precisam apenas de vencer o próximo jogo para garantir as meias-finais.

Antes do arranque da partida, a formação da casa recebeu os novos campeões europeus com guarda de honra, sendo que os algarvios foram depois também homenageados, desta feita pela Câmara Municipal de Portimão, por ocasião da estreia absoluta nestes play-offs.

Feitas as honras, o conjunto de Nuno Dias não podia ter pedido melhor entrada. Apesar de o Portimonense SC até ter criado as primeiras situações de perigo, o Sporting CP inaugurou o marcador logo aos quatro minutos, na sequência de uma jogada individual de Alex Merlim na esquerda, seguida de um remate cruzado que encontrou Rocha, ao segundo poste, a encostar.

Nos cinco minutos seguintes, os Leões voltaram a marcar, desta vez em dose dupla. Primeiro, Pauleta recuperou a bola junto à baliza adversária, deu a Merlim e o ‘mago’ assistiu novamente o português para um golo fácil, e depois Zicky Té trabalhou bem na esquerda e assistiu Taynan em zona frontal, com o internacional cazaque a rematar certeiro para o 0-3.

A seis minutos do intervalo, quando o Sporting CP já podia ter marcado novamente, o Portimonense SC reduziu através de Júnior, mas não fez mais do que isso. Os Leões, mesmo com quatro faltas, não tiraram o pé do acelerador e dilataram outra vez o resultado, com Pany Varela a fazer um grande golo depois de tirar um adversário da frente com um toque artístico.

Após o descanso, o reatar da partida trouxe a mesma toada da primeira parte, com muita velocidade e transições constantes, além de mais golos. Em apenas dois minutos, Diego Cavinato bisou, primeiro num remate de moinho após um ressalto dentro da área, e logo a seguir num ‘tiro’ disparado de meia distância que saiu rasteiro, permitindo chegar aos 1-6.

Quando tudo parecia estar praticamente resolvido, a pouco mais de sete minutos do final, o Portimonense SC aproveitou algum relaxamento dos Leões e marcou por duas vezes no espaço de menos de um minuto, em ambas as ocasiões por Miranda. Logo a seguir, Nuno Dias pediu o desconto de tempo para reorganizar a equipa e quebrar um pouco o ritmo de jogo.  

No regresso à quadra, a resposta dos jogadores verdes e brancos não podia ter sido melhor. Primeiro, Pany Varela fez o 3-7 de penálti, depois de o Portimonense SC cometer a quinta falta, e depois, quando os algarvios já jogavam com o guarda-redes avançado, ainda houve tempo para o internacional português assinar o hat-trick, fechando o resultado em 3-8.

O segundo jogo da eliminatória está marcado para o próximo sábado, dia 15 de Maio, no Pavilhão João Rocha.

Sporting CP: Guitta [GR], João Matos [C], Rocha, Diego Cavinato, Alex Merlim; Jogaram ainda: Tomás Paçó, Pauleta, Zicky Té, Taynan, Mamadu Turé, Diogo Santos e Gonçalo Portugal [GR]

Foto Isabel Silva

Tudo decidido na primeira parte

Por Sporting CP
09 maio, 2021

Futsal feminino vence GD Chaves com hat-trick de Inês Gonçalves

A equipa feminina de futsal do Sporting CP recebeu e venceu, este domingo, o GD Chaves por 3-1 na 13.ª e penúltima jornada da fase de manutenção do Campeonato Nacional.

No frente-a-frente entre o primeiro e o terceiro classificado, as Leoas começaram melhor e colocaram-se na frente logo aos dois minutos, por intermédio de Inês Gonçalves, jogadora que viria a fazer novamente o gosto ao pé pouco depois, após uma transição rápida para o ataque.

Ainda assim, e apesar de estar a perder por dois golos de diferença, o GD Chaves jogou sempre olhos nos olhos com o Sporting CP e chegou a criar perigo em várias ocasiões, conseguindo reduzir a desvantagem já a meio da primeira parte, na sequência de um pontapé de penálti.

Na resposta, quando faltavam apenas seis minutos para o intervalo, as Leoas voltaram a adiantar-se pela inevitável Inês Gonçalves, que provou estar de pé quente e consumou o hat-trick, restabelecendo a diferença de dois golos na partida e selando o resultado ao intervalo.

Após o período de descanso, a segunda parte arrancou bastante equilibrada, mas por pouco tempo. Com o passar dos minutos, o Sporting CP começou a construir um cerco em torno da baliza adversária e somou diversas oportunidades, mas sem conseguir finalizar com sucesso.

Já na recta final, a formação de Chaves tentou o tudo por tudo ao colocar em campo o guarda-redes avançado, estratégia que lhe permitiu criar perigo com um remate ao poste, mas o resultado já não viria a sofrer quaisquer alterações, terminando com um 3-1 para as Leoas.

O Sporting CP segue assim no primeiro lugar da tabela classificativa, com 35 pontos, voltando a entrar em acção apenas no próximo dia 22 de Maio, na deslocação a casa do UA Povoense.

Sporting CP: Cristina Fonseca [GR], Inês Gonçalves, Cristiana Gonçalves, Carolina Pedreira e Débora Venâncio [C]; Jogaram ainda: Sara Tavares, Cláudia Dias, Catarina Neves e Carolina Baptista.

Foto Mário Vasa

Paulo Luís: "Queremos aproveitar esta onda de energia positiva"

Por Sporting CP
08 maio, 2021

​Futsal em estreia nos quartos-de-final do play-off com o Portimonense SC

A equipa de futsal do Sporting Clube de Portugal tem estreia marcada nos quartos-de-final dos play-offs da Liga Placard já para este domingo, no Pavilhão Desportivo da Boavista, diante do Portimonense SC (19h00), numa eliminatória disputada à melhor de três encontros. 
 
Paulo Luís, treinador-adjunto da formação verde e branca, admitiu que a equipa viveu uma semana de preparação diferente do habitual, devido à conquista do título europeu em Zadar, na Croácia, mas garantiu que “o foco é total para o que resta da época”.  
 
“Depois da conquista do título europeu, que nos deixou em euforia, temos de transformar isso em energia positiva para a Liga Placard. Sabemos que entramos agora na fase decisiva desta competição e logo contra um adversário que demonstrou ter muita qualidade durante a época, tanto individual como colectiva”, começou por dizer, reconhecendo ainda assim algum cansaço natural depois de três jogos europeus muito exigentes e viagens longas. 
 
“Mais do que físico, o maior cansaço nesta fase é emocional. Vivemos grandes emoções e, por vezes, o cansaço acumulado faz com que os jogadores relaxem um pouco mais do que seria desejável. Temos trabalhado isso não só no campo, mas também fora dele, em conversa com os jogadores. Temos solicitado, principalmente aos que já passaram por esta situação, que transmitam a sua experiência aos mais novos”, sublinhou. 
 
Por fim, o técnico assegurou também que a equipa está a preparar este jogo “de forma estratégica”. “Vai ser um encontro com características diferentes dos últimos, contra um adversário distinto dos que enfrentámos na UEFA Futsal Champions League. Acima de tudo, queremos aproveitar esta onda de energia positiva a nosso favor”, concluiu.

Páginas

Subscreva RSS - Futsal