Your browser is out-of-date!

Update your browser to view this website correctly. Update my browser now

×

Taxonomy term

Martingil 2.º na Prova de Abertura da Taça de Portugal

Por Sporting CP
10 Fev, 2019

O ciclista do Sporting CP/Tavira foi batido no sprint final

O ciclista do Sporting CP/Tavira, César Martingil, foi segundo classificado na Prova de Abertura da Taça de Portugal de ciclismo disputada este domingo.

O atleta Leonino foi batido no sprint final por Rui Oliveira, da Equipa Portugal, depois de percorridos os 162,4 km que ligam Sever do Vouga a Estarreja.

Classificação:

Sever do Vouga – Estarreja, 162,4 km

1.º Rui Oliveira (Equipa Portugal), 3h51min08s

2.º César Martingil (Sporting-Tavira), mt

3.º Luís Mendonça (Rádio Popular-Boavista), mt

4.º João Matias (Vito-Feirense-PNB), mt

5.º Leonel Coutinho (Aviludo-Louletano), mt

6.º Francisco Rus (Aviludo-Louletano), mt

7.º Ivo Oliveira (Equipa Portugal), mt

8.º Iuri Leitão (Sicasal/Constantinos), mt

9.º Daniel Freitas (Miranda-Mortágua), mt

10.º Pedro Paulinho (Efapel), mt

Sporting CP/Tavira corre na Volta a San Juan Internacional

Por Sporting CP
30 Jan, 2019

Quarta etapa termina com Leões no 11.º lugar da geral

A quarta etapa da 37.ª Volta a San Juan Internacional em bicicleta, disputada esta quarta-feira, terminou com o ciclista do Sporting CP/Tavira Alexander Girigoryev a terminar na 15.ª posição. O russo é por esta altura 14.º da geral a 58 segundos do líder Julian Alaphilippe, da Deceunink - Quick Step.

Na classificação geral por equipas, o Sporting CP/Tavira é 11.º classificado, à frente de equipas de nomeada, caso da Lotto Soudal, 12.ª posicionada.

O  ciclista do Sporting CP/Tavira, Tiago Machado, terminou a etapa desta quarta-feira na 48.ª posição, ele que na geral é 28.º, a 1 minuto e 40 segundos do líder. A prova corrida na Argentina pára na quinta-feira, para descanso.

"É uma grande honra estar presente nesta prova"

Por Sporting CP
26 Jan, 2019

Declarações de Vidal Fitas à partida para a Argentina

O Sporting CP/Tavira já viajou para a Argentina, onde vai disputar a Vuelta a San Juan (27 de Janeiro - 3 de Fevereiro) para abrir a temporada. Vidal Fitas, director desportivo da equipa, falou com o Jornal Sporting e com a Sporting TV no Aeroporto Humberto Delgado, em Lisboa, sobre o que é esperado da prova.

"Esta é a primeira prova do ano. Acaba sempre por ser uma incógnita o que se poderá passar. Delineámos como estratégia que esta prova fosse para ganhar ritmo competitivo. É esse o primeiro objectivo porque sabemos a condição física em que estamos, mas não sabemos como estão os nossos adversários. Podem estar muito melhor que nós, iguais ou piores. No entanto, se chegarmos à conclusão que a nossa condição é suficiente para lutarmos por vitórias, é evidente que não abdicaremos disso", garantiu Vidal Fitas 

Sobre a Vuelta a San Juan, o dirigente explicou que foi, "durante muitos anos, a melhor competição da América Latina". "Têm aparecido outras que também têm um bom nível. Estão presentes seis ou sete equipas do World Tour e grandes nomes do ciclismo mundial. É uma grande honra estar presente nesta prova, não é fácil entrar. Mais uma vez, começamos a época num continente diferente, num ambiente diferente. Vai estar bastante calor e também é isso que pretendemos para nos trazer benefícios", referiu.

A competição na América do Sul vai servir também para preparar a Volta ao Algarve, evento que vai decorrer em Fevereiro. "Se quisermos ter uma boa prestação na Volta ao Algarve, temos de ter alguns dias de competição. Nesta altura do ano, é diferente chegar com oito ou dez dias de competição do que chegar com nenhum", admitiu Vidal Fitas.

Na Argentina para ganhar ritmo

Por Sporting CP
25 Jan, 2019

Tiago Machado e José Mendes mostraram-se bastante satisfeitos

É já no próximo domingo, 27 de Janeiro, que se dá início à Vuelta a San Juan, prova argentina que dura até 3 de Fevereiro. O Sporting CP/Tavira vai estar presente e já partiu para o país sul-americano com o objectivo de ganhar ritmo e condição física.

Tiago Machado, que foi um dos ciclistas que seguiu viagem a partir de Lisboa, explicou o que espera da Vuelta a San Juan. "Espero estar ao nível dos melhores e acompanhá-los o máximo de tempo possível. O trabalho de casa foi feito, estive a estagiar mais dez dias no Algarve. É esperar que as pernas correspondam na estrada", disse o atleta ao Jornal Sporting e à Sporting TV no Aeroporto Humberto Delgado. "Vou sem objectivo de classificação geral ou de ganhar etapas. Vou ver o dia a dia, é a primeira competição num clima completamente diferente do nosso. O objectivo é ganhar um pouco mais de condição física", acrescentou.

Sobre os primeiros tempos de Leão ao peito, Tiago Machado admitiu que tem sido "fantástico". "Ainda há pouco tivemos um adepto a pedir para tirar uma fotografia connosco, na zona onde resido os Sportinguistas dão-me os parabéns por ter vindo para o Sporting. Está a ser um regresso a Portugal ainda melhor do que esperava", frisou.

Também José Mendes se vai estrear com a camisola do Sporting CP/Tavira. "Estou bastante contente. A apresentação no Estádio José Alvalade, sentir o apoio dos adeptos... Treinar diariamente com as cores do Sporting é uma motivação extra", contou.

Sobre a competição na Argentina, o ciclista lusitano não negou que o grupo vai "na expectativa" sem qualquer tipo de "pressão de conseguir um resultado". "Vamos na expectativa, sabendo que não vamos com a pressão de conseguir um resultado. Vamos com a pressão de dar o nosso melhor e representar o Sporting CP/Tavira da melhor forma, nesta e em que prova for", referiu.

Equipa do Sporting CP/Tavira na Vuelta a San Juan: Tiago Machado, José Mendes, Rinaldo Nocentini, Alejandro Marque, Nicola Toffali e Alexander Grigoryev

Restantes equipas presentes: Biesse-Carrera Gavardo (Itália), Beltrami TSA Hoppla' Petroli Firenze (Itália), Start Cycling Team (Bolívia), Team Medellín (Colômbia), Municipalidad de Pocito (Argentina), Asociación Civil Mardán (Argentina), Asociación Civil Agrupación Virgen de Fátima (Argentina), Municipalidad de Rawson Somos Todos (Argentina), Israel Cyclin Academy (Israel), Androni-Sidermec-Bottecchia (Itália), Neri Selle Italia KTM (Itália), Caja Rural - Seguros RGA (Espanha), Nippo-Vini Fantini Faizane (Itália), selecção nacional da Argentina, selecção nacional do México, selecção nacional do Uruguai, selecção nacional do Peru, selecção nacional do Chile, selecção nacional de Cuba, selecção nacional do Brasil, Deceunink Quick Step (Bélgica), UAE Team Emirates (Emirados Árabes Unidos), Movistar Team (Espanha), Bora Hangsrohe (Alemanha), Lotto Soudal (Bélgica) e Dimension Data (África do Sul)

José Mendes e César Martingil reforçam Sporting CP/Tavira

Por
09 Nov, 2018

Equipa de Vidal Fitas vê aumentar leque de opções para o ataque à época de 2019

O Sporting CP/Tavira oficializou esta sexta-feira a contratação de José Mendes e César Martingil como reforços para a próxima temporada, nomes que se juntam, assim, ao já anunciado Tiago Machado.

José Mendes, campeão nacional de estrada em 2016, e que representava a equipa espanhola da Burgos-BH, terá como tarefa principal dominar os percursos sinuosos. O atleta vimaranense mostrou-se “bastante motivado” pelo regresso a Portugal depois de seis anos no estrangeiro e principalmente por fazê-lo “num clube como o Sporting CP/Tavira, que é muito importante”, deixando ainda um elogio aos adeptos do clube: “Na estrada vamos notar o apoio da massa adepta leonina e vai ser uma motivação para os momentos mais difíceis e para lutarmos pelas vitórias.”

Já o jovem César Martingil, um dos sprinters mais promissores da actualidade e que chega depois de ter dado nas vistas ao serviço da Liberty Seguros/Carglass, afirmou sentir “um enorme orgulho por vestir a camisola verde e branca em 2019.” Em relação à equipa que agora integra, Martingil disse acreditar que esta “é uma equipa com futuro” e que terá como objectivo primordial “ganhar corridas.”

Presente no Museu Sporting para a oficialização das duas contratações, Marco Chagas, consultor da modalidade no Sporting CP, voltou a mostrar confiança no trabalho que está a ser desenvolvido, até porque o grande objectivo do seu regresso ao Clube do coração, passa por “ajudar o ciclismo do Sporting CP/Tavira, fazer o melhor conjunto e procurar os melhores resultados”, acreditando que se está a criar um “bom grupo” e que a “meta é ter uma equipa que discuta todas as competições em Portugal e não só.”

O director desportivo da modalidade, Vidal Fitas mostrou-se igualmente entusiasmado com estas duas contratações e não poupou nos elogios aos seus dois novos atletas: “O César veio colmatar uma lacuna na especialidade de sprint sendo realmente uma mais-valia para a equipa”. Já sobre José Mendes, referiu que “tem uma grande experiência e qualidade, podendo dar músculo à equipa em diversas etapas, entre elas as de montanha.”

Ambos os ciclistas contam com o apoio dos adeptos sportinguistas, mas Martingil deixa uma promessa: “Venham para a estrada esta temporada, pois eu prometo vitórias.”

Foto José Cruz

Tiago Machado reforça Sporting CP/Tavira

Por Jornal Sporting
17 Out, 2018

Corredor de 32 anos é uma aposta forte para a próxima temporada

Depois de nove anos no pelotão internacional, Tiago Machado volta a Portugal para vestir as cores do Sporting CP/Tavira na próxima temporada. Aos 32 anos, o corredor natural de Famalicão explica as razões que o fizeram abandonar a Katusha (equipa russa onde passou quatro épocas. “Apresentaram-me uma proposta com pés e cabeça. É um projecto ambicioso, em que vamos tentar quebrar a hegemonia de um rival na Volta a Portugal. Tudo o que peço é estar à altura dos acontecimentos para dignificar a camisola que irei levar ao peito”, admite.



Tendo estado em dez grandes voltas (três Tour, cinco Vueltas e dois Giros), Tiago Machado junta a experiência à vontade de vencer a principal prova do panorama nacional. Além disso, não esqueceu a vida pessoal. “Foi, sem dúvida, para estar mais perto da minha família. Também queria regressar com capacidade física para poder disputar os lugares cimeiros da Volta a Portugal. Agora vamos para a estrada todos unidos a ver se quebramos a hegemonia”, deseja.

Para os seguidores da modalidade, as características de Tiago Machado são sobejamente conhecidas, mas o corredor apresentou-se aos Sportinguistas. “Considero-me um ciclista completo. Quando deixei Portugal, e nos primeiros anos lá fora, andava muito bem nos contrarrelógios e na montanha defendia-me bem. Acho que são características fundamentais para estar na luta pela Volta a Portugal. Agora tenho a maturidade que não tinha há alguns anos e sinto-me pronto para lutar pelos postos cimeiros”, revela.

Após representar o Boavista, RadioShack, NetApp e Katusha, o Sporting CP/Tavira será mais um desafio na carreira de Tiago Machado. “Venho para um grande Clube. Uma grande parte da história do desporto português foi escrita por atletas do Sporting CP, como o Joaquim Agostinho, no caso do ciclismo. Não é fácil vir para um Clube com tanta responsabilidade, mas temos de encarar a situação e confiar no nosso potencial. Posso estar à altura”, acredita.



Marco Chagas, consultor do ciclismo leonino, elogiou as qualidades do ciclista, depositando enormes esperanças na próxima temporada. “Na actualidade, é um dos corredores portugueses com maior potencial para discutir qualquer corrida, inclusive a Volta a Portugal. Pelas provas dadas, pelos resultados que conseguiu até hoje, pela idade e pelo seu espírito, continuará a ser um corredor de referência pela forma aguerrida de correr. Creio que os anos e a forma como tem sabido gerir a sua carreira fazem com que o Tiago regresse a Portugal com a consciência da responsabilidade que tem no ciclismo português e nesta nossa equipa”, explicou.

A grandeza de Tiago Machado no panorama nacional foi, de resto, bastante reforçada por Marco Chagas. “Se perguntar aos corredores mais jovens, o Tiago será, a par do Rui Costa, o corredor de maior dimensão, que os mais jovens melhor conhecem. O Tiago Machado faz parte desse lote, naturalmente”, garantiu.

Para Vidal Fitas, a equipa ganhou um reforço de valor inegável para a próxima temporada. “Posso inclui-lo num dos cinco melhores portugueses de sempre e vem para acrescentar qualidade. Torna a nossa equipa mais forte, sem dúvida. O Tiago tem umas potencialidades que, em Portugal, possivelmente mais ninguém tem”, referiu.  



Apesar de se ter destacado internacionalmente como um trabalhador em prol de outros companheiros, o director desportivo do Sporting/Tavira está convicto de que Tiago Machado tem capacidade para ser candidato a vencer corridas. “A nível internacional, conseguiu alguns resultados de grande relevo e pensamos que podemos transportar isso para nível nacional. Há um trabalho a fazer, mas o Tiago nunca deixou de sonhar, nunca deixou de lutar por isso quando teve oportunidade, nunca se acomodou. Há ali uma parte, que é o sonho, que nunca perdeu. O trabalho de pô-lo com a mentalidade de que pode ganhar corridas em Portugal é mais fácil”, concluiu. 

 

Afonso Silva fechou participação no Mundial

Por Jornal Sporting
27 Set, 2018

Jovem leão esteve no contrarrelógio e na prova de fundo

O júnior Afonso Silva terminou a prova de fundo dos Mundiais de Ciclismo (que se vão realizando em Innsbruck, na Áustria) no 70.º lugar, a 19 minutos do vencedor. Remco Evenepoel, belga que já tinha vencido o contrarrelógio individual, conquistou a segunda medalha de ouro. 

Foto César Santos

Marco Chagas é o novo consultor para o ciclismo

Por Jornal Sporting
25 Set, 2018

Leão assumido e o último a ganhar a Volta a Portugal com a camisola do Sporting CP, Marco Chagas chega a Alvalade para cuidar da 'sua' modalidade

Iniciou a carreira de leão ao peito aos 16 anos e tornou-se um dos maiores corredores do emblema verde e branco e do panorama nacional. Marco Chagas é o novo consultor da direcção-geral de modalidades para o ciclismo e, numa visita ao Museu Sporting, mostrou-se orgulhoso com o convite. "Sinto-me muito honrando. É uma responsabilidade e estou aqui para ajudar o departamento das modalidades. Só penso em trabalhar para o futuro do ciclismo deste grande Clube", referiu, não esquecendo a parceria com o ciclismo de Tavira: "Temos uma união e vamos continuar a trabalhar em conjunto".

Vencedor da Volta a Portugal por quatro vezes – duas das quais pelo Sporting CP, em 1985 e 1986 –, é Sportinguista assumido e nunca esqueceu o Clube que ama. "Toca-me muito estar aqui. Sou Sportinguista desde criança e sempre o acompanhei, mesmo estando noutras equipas. Fico muito contente com esta oportunidade. É incrível o apoio das pessoas nas estradas quando veem o nosso símbolo e as nossas cores", confessou o consultor para o ciclismo.

A acompanhar a visita ao Museu, com ênfase na zona do ciclismo, Miguel Afonso, elemento do Conselho Directivo para as modalidades comentou: "É um grande homem, um grande profissional e um grande Sportinguista". Miguel Albuquerque, director-geral para as modalidades, mostrou-se igualmente satisfeito com a nova contratação. "É um atleta com história no Sporting CP e no ciclismo. Um grande reforço para nós. Significa trazer mais um campeão para uma casa de campeões".

Afonso Silva participou no contrarrelógio dos Mundiais

Por Jornal Sporting
25 Set, 2018

Jovem corredor foi o único representante do Sporting CP/Tavira

Afonso Silva terminou no 48.º lugar do contrarrelógio individual de juniores dos Mundiais de ciclismo, que se vão realizando em Innsbruck, na Áustria. O jovem corredor do Sporting CP/Tavira foi um dos representantes portugueses na prova e terminou a praticamente cinco minutos do belga Remco Evenepoel, que conquistou a medalha de ouro. 

Foto César Santos

Alejandro Marque conquista Volta à China

Por Jornal Sporting
23 Set, 2018

Corredor leonino terminou segunda parte da prova no primeiro lugar do pódio

Alejandro Marques assegurou, este domingo, a conquista do primeiro lugar do pódio na segunda parte da Volta à China. O corredor leonino, que no dia de ontem alcançou, pela primeira vez, a liderança da prova, com quatro segundos de vantagem para o segundo classificado, voltou a entrar na máxima força em Anshum.

Com a marca 10:24.05 horas, o atleta do Sporting/Tavira manteve-se na frente da corrida, terminando a etapa com o mesmo tempo do segundo classificado, Artem Ovechkin, da Terengganu Cycling Team.   

 

Páginas

Subscreva RSS - Ciclismo