Your browser is out-of-date!

Update your browser to view this website correctly. Update my browser now

×

Handball

Hugo Canela: "Todos estão motivados"

Por Sporting CP
23 Mar, 2019

Antevisão do treinador Leonino

A equipa de andebol do Sporting Clube de Portugal recebe o Veszprém KC no próximo domingo para a primeira mão dos oitavos-de-final da EHF Champions League e Hugo Canela não escondeu que está a viver um sonho.

"Ter conseguido chegar a esta fase da competição é fantástico, temos de estar contentes. Sonhámos que conseguíamos estar aqui e conseguimo-lo. Continuamos a sonhar, mas temos de ter os pés bem assentes na terra e sabemos que vamos enfrentar uma equipa galáctica, com jogadores fantásticos e que são óptimos executantes de andebol. Mas também temos uma grande alma, apesar de todas as limitações, e todos estão motivados para fazer um excelente jogo diante dos nossos adeptos, que vão encher o Pavilhão João Rocha. Deixa-me muito feliz ver que as pessoas dão importância a esta partida e querem festejar connosco aquilo que já conseguimos fazer. Vamos dar o nosso melhor", contou o técnico bicampeão nacional ao Jornal Sporting e à Sporting TV.

Questionado sobre a valia do Veszprém KC, Hugo Canela explicou que "é uma equipa que tem várias final four nas pernas". "São jogadores que estão habituados a ir longe na Liga dos Campeões e a ser campeões no seu país, até porque o clube investe muito na modalidade. O andebol, na Europa, tem vários países com equipas muito fortes e a Hungria é um deles", acrescentou.

"Espero que esteja [no domingo] um ambiente de festa e que nos apoiem, porque vamos precisar. Temos sentido imenso o apoio de toda a gente. Trazer cá uma equipa como o Veszprém KC nesta fase da Liga dos Campeões... devemos estar todos muito felizes, incluindo os adeptos", disse.

O apito inicial do Sporting CP - Veszprém KC está marcado para as 17h00 do próximo domingo, 24 de Março, no Pavilhão João Rocha.

Carlos Ruesga: "Vamos tentar surpreendê-los"

Por Sporting CP
22 Mar, 2019

Espanhol vai defrontar Clube que já representou

24 de Março é um dia especial para o Sporting Clube de Portugal. A equipa de andebol dos Leões vai receber os húngaros do Veszprém KC no Pavilhão João Rocha para a primeira mão dos oitavos-de-final da EHF Champions League e Carlos Ruesga, central verde e branco, vai encontrar a formação onde esteve entre 2013 e 2015 e considerou o próximo domingo um dia "histórico para o andebol português e para o Sporting CP".
 
"Vai ser um grande jogo de andebol e um dia de festa. O Sporting CP trabalhou muito nos últimos anos para agora ter oportunidade de desfrutar destes momentos. Trabalhámos muito toda esta época para chegar a este grande dia e os nossos adeptos merecem. Vamos continuar a sonhar nesta competição europeia", disse o internacional espanhol ao Jornal Sporting e à Sporting TV.
 
Sobre o Veszprém KC, Ruesga não poupou os elogios, mas assegurou que os bicampeões nacionais vão dar tudo para conseguir uma surpresa. "Podemos esperar uma das maiores equipas da Europa. Têm um plantel muito completo, com mais de dois jogadores para cada posição. Mas jogamos em casa e, com a ajuda dos adeptos, vamos tentar surpreendê-los. (...) Já cumprimos o nosso objectivo. Agora é tudo mais difícil e complicado, mas no desporto tudo pode acontecer. Vamos lutar até ao fim para conseguir mais uma surpresa, ainda que estejamos conscientes de que o grande favorito é o Veszprém KC", reconheceu.
 
Por fim, Carlos Ruesga deixou uma mensagem aos adeptos Leoninos. "Agradeço o apoio durante toda a época e espero que desfrutem deste grande dia. Eles [adeptos] merecem tudo pelo apoio incondicional e incansável com que nos presentearam em todos os momentos. Merecem ter pela frente um grande adversário como o Veszprém KC", concluiu.
 
O Sporting CP - Veszprém KC está marcado para as 17h00 deste domingo, 24 de Março, no Pavilhão João Rocha.

Hugo Canela: "Estamos muito felizes"

Por Sporting CP
20 Mar, 2019

Treinador Leonino satisfeito com o triunfo sobre o rival

Após a vitória por 29-22 sobre o SL Benfica na primeira jornada da fase final do Campeonato Nacional Andebol 1, Hugo Canela não negou a satisfação de entrar da melhor forma no momento mais decisivo da prova.
 
"É sempre bom começarmos esta fase com uma vitória perante um candidato ao título. Temos de ficar satisfeitos porque fizemos o que era necessário em nossa casa. Estamos muito felizes", começou por dizer o técnico verde e branco aos jornalistas na conferência de imprensa.
 
Para Hugo Canela, o Sporting Clube de Portugal esteve "muito forte defensivamente e a diferença esteve aí". "Quando se está bem na defesa, não importa o que fazemos no ataque porque recuperamos sempre mais na defesa. Não temos estado a fazer maus jogos. Perdemos com o SL Benfica na Luz e com o FC Porto para a Taça de Portugal, mas jogámos um excelente andebol durante a maior parte do tempo. Estamos nos oitavos-de-final da Liga dos Campeões sem um canhoto, porque só agora é que o Cláudio [Pedroso] está a regressar, temos uma carga enorme sobre os atletas, viagens de cinco dias em cima das pernas que não permitem treinar ou recuperar... façam as contas e vejam o que pode acontecer a nível físico e mental. Todos os jogos são finais. Hoje, ao contrário do que aconteceu contra o FC Porto, mostrámos que as coisas estavam bem", referiu.

Sobre a entrada menos positiva no ataque, o treinador explicou que tudo aconteceu porque os Leões estavam "muito ansiosos". “Apesar de planearmos as coisas, de falarmos com os atletas e de termos uma estratégia, às vezes somos traídos pelo que se passa lá dentro. O Pavilhão cheio, a energia dos adeptos, a adrenalina... levam-nos, por vezes, a cometer erros. Quando começámos a seguir o plano de jogo, foi tranquilo. Controlámos e fizemo-lo durante todo o jogo”.
 
Confrontado com a partida de domingo, em que o Sporting CP recebe o Veszprém KC para a primeira mão dos oitavos-de-final da EHF Champions League, Hugo Canela lembrou que o Campeonato Nacional Andebol 1 é a prioridade. "O maior objectivo do Sporting CP é ser campeão nacional até porque só vai à Liga dos Campeões quem é campeão nacional. Gostamos muito de estar na Liga dos Campeões, pelo que queremos ser campeões. O desafio de domingo é um jogo de sonho por recebermos o Veszprém KC em nossa casa. Vamos, com calma, começar a sonhar com o Veszprém e tentar fazer um excelente jogo para os nossos adeptos, que vão encher o Pavilhão João Rocha. Vamos sem medo, olhando de frente, e vamos à luta para cima deles", disse Hugo Canela, que considerou ter mérito no sucesso do grupo.
 
"No final, o que ouço sempre nos corredores é que com esta equipa qualquer treinador vencia. Mas acho que também é mérito nosso. Logicamente, quando se tem muita qualidade, podemos fazer algumas adaptações. Mas se não as treinarmos, não irão resultar", assegurou.

Dérbi sorri à melhor equipa

Por Sporting CP
20 Mar, 2019

Vitória sobre o SL Benfica na 1.ª jornada da fase final do Campeonato Nacional

O Sporting Clube de Portugal entrou com a mão direita na fase final do Campeonato Nacional Andebol 1, vencendo o SL Benfica no Pavilhão João Rocha, onde estiveram mais de 2000 espectadores, por 29-22.
 
O primeiro tempo teve duas faces para os Leões. Se, por um lado, os comandados de Hugo Canela apresentaram uma defesa muito forte que dificultava bastante a vida ao SL Benfica, o ataque estava a cometer alguns erros não forçados que iam permitindo às águias estar dentro do resultado.
 
Ainda assim, o empate também se justificava pelas duvidosas decisões da equipa de arbitragem, que colocou fora de campo atletas do Sporting CP em várias ocasiões.

Em resposta aos erros próprios e às decisões da equipa de arbitragem, os bicampeões nacionais aceleraram e começaram a cavar um fosso entre as duas equipas. Ao intervalo, a natural superioridade do SCP fazia-se sentir e o resultado estava fixado nos 13-9. Em destaque iam estando Ghionea, que continua a apresentar-se em grande forma e, entre outros, Tiago Rocha, autor de dois dos melhores golos dos 30 minutos iniciais.
 
A entrada para a segunda parte foi mais forte para a turma verde e branca. Com a mesma qualidade e consistência na defesa, mas com um ataque ao nível a que tem habituado os Sportinguistas, a vantagem foi sendo aumentada de forma gradual. Aos 42 minutos, momento em que Carlos Resende pediu desconto de tempo para o SL Benfica, o Sporting CP já estava sete golos à frente do adversário (19-12).

O SL Benfica ainda conseguiu encurtar as distâncias (21-17 aos 48 minutos), mas a vitória foi conquistada pela melhor equipa com o jogo a terminar com 29-22 no marcador. No segundo tempo, Luís Frade acabou por ser o elemento mais goleador dos visitados ao apontar cinco tentos.
 
Com este resultado, o conjunto de Alvalade é líder do grupo A da fase final do Campeonato Nacional Andebol 1. O próximo compromisso do Sporting CP acontece já neste domingo com a recepção aos húngaros do Veszprém KC para a primeira mão dos oitavos-de-final da EHF Champions League.

Sporting CP: Pedro Valdés (3 golos), Edmilson Araújo (2), Rafael Paulo, Cláudio Pedroso (2), Frankis Carol (3), Pedro Solha, Aljosa Cudic, Tiago Rocha (2), Carlos Carneiro (4), Fábio Chiuffa, Manuel Gaspar, Arnaud Bingo, Valentin Ghionea (7), Ivan Nikcevic (1), Luís Frade (5) e Matevz Skok.
Treinador: Hugo Canela

“Se queremos ser campeões temos de ter o pavilhão cheio”

Por Sporting CP
19 Mar, 2019

Hugo Canela apela à presença dos Sportinguistas nesta fase decisiva

O treinador da equipa principal de andebol do Sporting Clube de Portugal, Hugo Canela, fez a antevisão da partida referente à primeira jornada da fase final do Campeonato Nacional Andebol 1, frente ao SL Benfica, no Pavilhão João Rocha.

O técnico verde e branco afirmou que não haverá qualquer surpresa em relação ao adversário: “Sabemos como eles jogam, sabemos o que fazemos e só temos de fazer as nossas coisas bem feitas. Temos de estar confiantes no trabalho que temos vindo a desenvolver, porque temos feito coisas muito boas.”

Hugo Canela referiu ainda que o nível de concentração dos seus jogadores tem de ser elevado, porque “se estiverem concentrados no que têm para fazer e em fazer o que tem trazido sucesso, o SL Benfica não será um problema”.

O líder Leonino deixou ainda uma mensagem de forte apelo aos Sportinguistas: “Espero um pavilhão repleto. Não há outra possibilidade. Se queremos ser campeões, temos de ter o pavilhão cheio e completamente focado em transmitir energia para dentro de campo. Se assim não for, aquilo que é difícil – um dérbi –, poderá tornar-se ainda mais complicado. Por isso, venham apoiar a nossa equipa, estejam connosco, precisamos do vosso carinho, apoio e energia. É o primeiro jogo da fase final e é importante começarmos bem. Começamos em casa e vamos mostrar a todos a força da nossa casa e aquilo que é jogar no Pavilhão João Rocha.”

O Sporting CP - SL Benfica joga-se nesta quarta-feira, dia 20 de Março, às 20h00, no Pavilhão João Rocha.

"Jogamos em casa e vamos demonstrar quem manda"

Por Sporting CP
18 Mar, 2019

Ivan Nikcevic antevê uma partida intensa

Pronto para jogar a partida da próxima quarta-feira frente ao SL Benfica, a contar para a primeira jornada da fase de apuramento do campeão de andebol, Ivan Nikcevic afirmou que “todos os jogos são importantes”: “Temos de estar preparados para ganhar todas as partidas. Acho que temos de procurar a motivação no que estamos a defender e não nos adversários que enfrentamos.”

Para o ponta, o conhecimento que ambas as equipas têm uma da outra não irá trazer muitas surpresas. “São equipas que já disputaram muitos jogos entre si. Vai haver um dérbi e muita luta em cada jogada. Mas jogamos em casa e vamos demonstrar quem manda.”

“Os nossos adeptos sabem muito bem a importância deste jogo. Eles vão estar lá para nos ajudar. Eles sabem que precisamos deles e vão-nos ajudar a começar a segunda fase com uma vitória e a recuperar confiança para seguirmos o nosso caminho e ganharmos o tricampeonato”, terminou o sérvio do Clube de Alvalade.

Hugo Canela: "Estamos vivos"

Por Sporting CP
17 Mar, 2019

Reacção do técnico ao desaire no Dragão Caixa

Após a derrota por 28-23 na casa do FC Porto para os oitavos-de-final da Taça de Portugal de andebol, Hugo Canela lamentou os erros cometidos nos últimos instantes.
 
"Perdemos o foco. Mais uma vez, ficámos presos aos erros das outras equipas que estão em jogo. Enquanto estivemos concentrados e focados não permitimos que o FC Porto penetrasse na nossa defesa. De repente, o nosso foco desapareceu e não o conseguimos encontrar novamente. Depois perdemos o guarda-redes e o central…", começou por dizer o treinador dos bicampeões nacionais aos jornalistas na sala de imprensa.
 
"Os árbitros, por vezes, apitam coisas que vêem de uma forma e que nós vemos de outra. As três equipas em campo cometem erros. Hoje foi o oposto do que aconteceu em nossa casa, em que demos a volta e conseguimos ganhar. Saímos daqui com a sensação de que é perfeitamente possível ganhar ao FC Porto, uma equipa completamente ao nosso alcance", referiu.
 
Hugo Canela falou ainda das situações de Skok e Ruesga, dois jogadores que se lesionaram neste encontro, e assegurou que a equipa quer responder a este resultado com um triunfo sobre o SL Benfica na primeira jornada da fase final do Campeonato Nacional Andebol 1. "A lesão do Skok parece-me ser bastante grave, até porque é um jogador que não se queixa muito. Como estava… cheio de dores no joelho... espero que não seja nada de grave. Vamos também avaliar a situação do Ruesga, do Frankis Carol e do Edmilson Araújo. É a factura que se paga por estar em todas as competições a lutar por tudo. Temos problemas em recuperar os atletas, são muitos jogos com peso e intensidade e isso deixa as suas marcas. Gostaríamos de estar melhor do que estamos, mas continuamos vivos e queremos ganhar já na quarta-feira ao SL Benfica", frisou.
 
No final, o técnico Leonino comentou os incidentes que resultaram na agressão a Miguel Albuquerque no Dragão Caixa no último sábado e agradeceu o apoio dos Sportinguistas. Sou uma pessoa que gosta de desporto e há situações lamentáveis. Ontem não foi um dia feliz para este pavilhão. Sempre gostei muito de vir aqui e fiquei muito triste quando soube o que aconteceu com o nosso director. Não há necessidade de andarmos em luta uns com outros (...) Somos sempre muito apoiados onde quer que vamos. No final, o FC Porto fez uma festa um bocado estranha com uma música provocatória. É uma coisa que me magoa e se fosse na nossa casa ia ter a mesma opinião. São provocações atrás de provocações e ninguém ganha com isso", concluiu.

Leões afastados da Taça de Portugal

Por Sporting CP
17 Mar, 2019

Últimos dez minutos decidiram o encontro

A equipa de andebol do Sporting Clube de Portugal foi eliminada nos oitavos-de-final da Taça de Portugal ao perder por 28-23 em casa do FC Porto.
 
O Sporting CP começou o encontro por cima, chegando a um resultado de 1-5 com relativa facilidade. Com um Valentin Ghionea endiabrado e perfeito a partir da marca dos sete metros, o início forte dos Leões obrigou mesmo Magnus Andersson, técnico azul e branco, a pedir o primeiro desconto de tempo com poucos minutos decorridos. A partir daí, o FC Porto melhorou e empatou o resultado a sete golos.

No entanto, e com a inspiração a vir da baliza, onde Skok estava em destaque, protagonizando várias defesas de grande qualidade, o Sporting CP regressou à vantagem quando até estava com menos um. Os golos de Carlos Ruesga e Pedro Solha reestabeleceram a diferença de dois golos que foi aumentada até ao intervalo. Quando as equipas recolheram aos balneários, o Sporting CP vencia o FC Porto por 12-15, com Arnaud Bingo a ser o autor do último tento Leonino da primeira parte.

No segundo tempo tudo começou de forma equilibrada, com o Sporting CP a gerir a vantagem durante largos minutos. Contudo, o FC Porto foi crescendo, mesmo quando encontrou pela frente um Skok – guarda-redes que, mais tarde, saiu lesionado – de grande nível. Conseguindo o empate a 23 a cerca de dez minutos do final, os visitados conseguiram o triunfo por 28-23 e afastaram o Sporting CP da Taça de Portugal.

Hugo Canela: "Sabemos o que temos de fazer para vencer o FC Porto"

Por Sporting CP
16 Mar, 2019

Técnico Leonino de andebol antevê clássico do Dragão Caixa

Os bicampeões de andebol do Sporting Clube de Portugal têm encontro marcado neste domingo, 17 de Março, com o FC Porto, em jogo a contar para os oitavos-de-final da Taça de Portugal da modalidade.

Depois de terminar a 1.ª fase do Campeonato Nacional Andebol 1 na liderança – mais um desafio conseguido por parte dos Leões –, o treinador da equipa principal, Hugo Canela, mencionou que “todos os jogos são diferentes” e explicou porquê: “Aquilo que fizemos já passou, cumprimos um objectivo e agora é olhar para a frente. Neste momento estamos focados e sabemos o que temos de fazer para vencer o FC Porto.”

Relativamente ao ambiente que os Leões têm vivenciado nos jogos, o técnico disse que “este ano o Sporting CP tem jogado em campos extremamente difíceis, não só na Champions como também a nível interno”. E assegura: “Vamos jogar no Dragão Caixa como em todos os pavilhões e estamos preparados para a força do FC Porto e dos seus adeptos.”

Durante a tarde da passada quinta-feira, o Sporting CP ficou a conhecer os seus oponentes no sorteio da fase final do Campeonato Nacional de Andebol 1, que começa com um dérbi caseiro frente ao SL Benfica.

“Neste momento o foco está na Taça de Portugal e no FC Porto. Só domingo, depois do jogo terminar, é que começarei a preocupar-me com o jogo frente ao SL Benfica. As coisas vão ser levadas assim, não podemos pensar no que temos pela frente e no que aconteceu no sorteio. A cabeça está focada no próximo jogo, só depois pensaremos com calma no que vem a seguir, sempre focados no objectivo que é ganhar”, sublinhou.

O FC Porto - Sporting CP terá lugar neste domingo, 17 de Março, às 16h00, no Dragão Caixa, na cidade do Porto.

Luís Frade: "Temos de dar tudo"

Por Sporting CP
15 Mar, 2019

Pivô quer sair do Dragão Caixa com os 'quartos' garantidos

A equipa de andebol do Sporting Clube de Portugal visita este domingo o FC Porto para os oitavos-de-final da Taça de Portugal e o objectivo é passar a eliminatória seguinte.
 
Em declarações ao Jornal Sporting e à Sporting TV, Luís Frade começou por falar sobre o recente triunfo sobre o Arsenal Devesa que fechou a fase regular do Campeonato Nacional Andebol 1.
 
"As vitórias são sempre importantes e precisávamos desta para continuarmos no primeiro lugar. Foi um jogo tranquilo e que também serviu para rodar a equipa e proporcionar descanso a alguns atletas mais utilizados. Deu para abrir novos horizontes com novos jogadores, principalmente os mais jovens e para consolidar várias coisas que temos trabalhado no treino. Foi muito útil para nos prepararmos para a próxima fase", disse o pivô.

Sobre o FC Porto, Luís Frade explicou que a Taça de Portugal é uma prova bastante distinta do Campeonato Nacional, pelo que os dois jogos que o Sporting CP venceu contra os azuis não são exemplo. "Conseguimos sair vitoriosos dos dois confrontos que tivemos com eles, mas a Taça tem características completamente diferentes. É a eliminar, é só um jogo em que temos de dar tudo porque queremos passar à fase seguinte", frisou.
 
Por fim, Luís Frade garantiu não recear o ambiente que pode encontrar na casa rival. "O nosso pavilhão tem tido sempre mais de 2000 pessoas e um apoio fantástico. Nos outros pavilhões também é assim. Foi no Dinamo [Bucareste] e no Dragão Caixa vai ser semelhante, com certeza. Temos experiência mais do que suficiente para aguentarmos estes ambientes", concluiu.
 
O FC Porto - Sporting CP tem início marcado para as 17h00 deste domingo, 17 de Março, no Dragão Caixa.

Páginas

Subscreva RSS - Andebol