Your browser is out-of-date!

Update your browser to view this website correctly. Update my browser now

×

Taxonomy term

Juniores vencem Casa Pia e reforçam liderança

Por Jornal Sporting
16 Jan, 2016

Triunfo por 1-0 na Academia aumenta vantagem na Zona Sul

A equipa de juniores do Sporting CP recebeu e venceu esta tarde o Casa Pia por 1-0, numa partida referente à 20.ª jornada da Zona Sul do Campeonato Nacional Sub-19.

Os ‘leões’ entraram melhor na partida e tiveram desde o primeiro minuto o domínio total, revelando grande capacidade de criação de oportunidades sem a consequente (e justa finalização). Os ‘gansos’ foram tentando resistir mas alguns excessos levaram à expulsão de dois elementos antes de Bruno Paz, aos 44 minutos, apontar de grande penalidade o golo inaugural do encontro.

No segundo tempo, e com o Casa Pia completamente remetido ao seu meio-campo, os comandados de Tiago Fernandes voltaram a esbanjar inúmeras oportunidades, com especial destaque para uma grande penalidade desperdiçada por David Tavares. Os ‘leões’ viram ainda dois golos anulados.

Com este resultado, o Sporting CP reforçou a liderança da Zona Sul com 54 pontos (17 vitórias e três empates), mais dez do que o Benfica. Na próxima jornada, a formação ‘verde e branca’ recebe o Belenenses, actual terceiro classificado com 42 pontos.

Três 'leões' convocados para a Selecção Nacional Sub-18

Por Jornal Sporting
15 Jan, 2016

Gonçalo Vieira, Bruno Paz e João Mendes convocados para estágio de preparação

O Sporting está representado com três jogadores na Selecção Nacional Sub-18, que vai realizar a partir de segunda-feira um estágio de preparação em Quiaios. Gonçalo Vieira, Bruno Paz e João Mendes foram os atletas convocados pelo técnico José Guilherme.

O estágio contará com três treinos até quarta-feira, altura em que Portugal irá fazer um jogo treino com a Selecção Nacional Sub-19 (onde estão os ‘leões’ Bubacar Djaló e Pedro Empis) no Centro de Estágios do Luso.

Recorde-se que os últimos encontros da Selecção Sub-18 foram realizados no Torneio da Suécia, que o conjunto das ‘quinas’ venceu com dois triunfos (3-2 com a Eslováquia e 2-1 frente à Noruega) e uma derrota (3-1 diante da Suécia).

Bubacar e Pedro Empis chamados à Selecção Sub-19

Por Jornal Sporting
14 Jan, 2016

Dois 'leões' no primeiro estágio de observação para a Ronda de Elite

Bubacar Djaló e Pedro Empis foram convocados por Emílio Peixe para o primeiro estágio de observação de 2016 da Selecção Nacional Sub-19.

Recorde-se que Portugal vai disputar em Março a Ronda de Elite de acesso ao Campeonato da Europa Sub-19, que se realiza na Alemanha, defrontando no grupo 6 de apuramento as equipas de Eslovénia, Suécia e Rússia.

Antes, a Selecção Nacional Sub-19 ganhou o I Torneio de Apuramento num grupo onde figuravam Moldávia (1-0), Lituânia (5-0) e Grécia (4-0).

No plano nacional, o Sporting recebe o Casa Pia no sábado, dia 16, às 15 horas no CGD Stadium Aurélio Pereira, numa partida a contar para a 20.ª jornada da Zona Sul da primeira fase do Campeonato Nacional Sub-19. Nesta altura, os ‘leões’ lideram com oito pontos de avanço sobre o Benfica.

"O caminho é este, sem alterar a estratégia"

Por Jornal Sporting
09 Jan, 2016

Análise de Tiago Fernandes ao empate no 'derby' no Seixal a duas bolas

Tiago Fernandes, treinador dos juniores do Sporting, mostrou-se satisfeito com a atitude e a entrega reveladas pelo conjunto ‘leonino’ no empate a duas bolas no Seixal frente ao Benfica, lamentando as duas transições que deram golos ao adversário e impediram que a equipa conseguisse somar a 17.ª vitória consecutiva na Zona Sul do Campeonato Nacional.

“Foi mais um ‘derby’ com as características normais, com muita intensidade e entrega e cada lance a ser jogado como se fosse o último. Tinha pedido aos meus jogadores para jogarem nos limites da intensidade e agressividade no bom sentido e isso foi cumprido. O Benfica criou algumas dificuldades, assim como o Sporting também conseguiu provocar no adversário. Foi um encontro importante para ver como a equipa reage a este tipo de jogos e à adversidade”, comentou o técnico ‘verde e branco’ no final do jogo.

“Entrámos melhor, estivemos por cima, fizemos o 1-0 mas sofremos duas transições que resultaram em golo e que nos levou a perder para o intervalo. Foram situações que já identificámos e que procurámos logo corrigir. Na segunda parte estivemos sempre por cima e a jogar no meio-campo do adversário, com mais posse, circulação, cantos e oportunidades, ao passo que o Benfica foi apenas em dois lances à nossa área. Conseguimos chegar ao empate e, no final, podíamos ter ganho. O caminho é este, sem alterar a estratégia com que entramos para todos os jogos e querendo ganhar sempre”, acrescentou.

Por fim, Tiago Fernandes projectou também a fase final do Campeonato Nacional de juniores, onde o Sporting já assegurou presença tal como o Benfica. “Sofremos todos dos mesmos ‘problemas’ a nível de preparação dos jogos mas queremos continuar a jogar assim. Não estou a pensar na fase final, ainda temos mais três jogos nesta fase para podermos evoluir mais e para que os jogadores estejam cada vez mais identificados com o nosso modelo. Este ‘derby’ foi importante para expor a equipa aos níveis de intensidade nos jogos que teremos daqui a dois meses”, concluiu.

Recorde-se que, nesta fase, o Sporting lidera a Zona Sul com 51 pontos (16 vitórias e três empates), mais oito do que o Benfica. Na próxima jornada, a 20.ª, os ‘leões’ recebem na Academia o Casa Pia.

A personalidade de um 'leão' que merecia mais

Por Jornal Sporting
09 Jan, 2016

Juniores empatam no Seixal a duas bolas e quebram série de 16 jogos a ganhar

A equipa de juniores do Sporting empatou hoje a duas bolas no Caixa Futebol Campus frente ao Benfica, numa partida relativa à 19.ª jornada da Zona Sul da primeira fase do Campeonato Nacional de Sub-19. Os ‘leões’ estiveram em vantagem, permitiram que os ‘encarnados’ dessem a volta ainda na primeira parte e alcançaram o empate a quatro minutos do fim num encontro onde foram quase sempre superiores e mereciam, pela organização táctica, personalidade, identidade e carácter revelados na forma de assumir o jogo, manter a série agora quebrada de 16 vitórias consecutivas na prova.

O encontro começou equilibrado e com uma preocupação comum dos dois conjuntos em condicionar a saída com bola junto da área, baixando depois os blocos para reduzir os espaços. No entanto, também neste período, foi notória a maior capacidade em posse e circulação dos 'leões', muito bem organizados em termos tácticos e fiéis à ideia de jogo que conduziu às 16 vitórias consecutivas mesmo jogando no reduto do rival.

Aos 11 minutos, num lance de estratégia iniciado num lançamento lateral com cruzamento de Pedro Empis, Bruno Fernandes cabeceou para defesa de Fábio Duarte. Seis minutos depois, após um bom trabalho de Pedro Ferreira no corredor central libertando na direita para cruzamento de Jefferson Encada, Ronaldo Tavares inaugurou o marcador com um fantástico cabeceamento sem hipóteses na área. No entanto, a vantagem duraria apenas dois minutos: num lance onde Bruno Fernandes torceu o joelho (que saiu lesionado do lance e teve mesmo de dar lugar a Hélder Almeida), o lateral 'encarnado' Aurélio Buta cruzou rasteiro para José Gomes encostar para o 1-1.

O lance alterou várias aspectos do jogo. Por um lado, a troca de Bruno Fernandes obrigou a várias alterações de posições no esquema de Tiago Fernandes, com Bruno Paz a recuar para a lateral direita, Jefferson a subir na ala e David Tavares a passar para o flanco esquerdo. Por outro, o árbitro parece ter sentido a constante pressão das bancadas e iniciou nesse minuto uma série de Gralhas, que se foram prolongando durante o jogo. Por coincidência, José Gomes, líder da APAF, estava presente no Caixa Futebol Campus.

Mas houve algo que não mudou: a postura do Sporting. E mesmo após o empate, a equipa não cedeu em termos anímicos, continuando a procurar de novo a vantagem que não apareceu aos 32 minutos porque Fábio Duarte conseguiu evitar o segundo tento de Ronaldo, isolado na área após uma magnífica jogada de Bruno Paz de fora para dentro. No entanto, contra a corrente do jogo, seria o Benfica a fazer o 2-1 por Alfa Esteves, num contra-ataque conduzido de novo por Aurélio Buta nas costas da defesa 'verde e branca'. Até ao intervalo, que chegou com a injusta vantagem dos visitados, nota ainda para mais dois remates de Hélder Almeida e Pedro Ferreira que passaram ao lado.

No segundo tempo, o encontro resumiu-se praticamente ao meio-campo do Benfica, com os ‘leões’ a empurrarem os ‘encarnados’ para a sua área com poucas ou nenhumas hipóteses de saírem em transição face à pressão alta dos ‘verde e brancos’. Logo aos 51 minutos, numa incursão pela direita, David Tavares entrou na área e pareceu tocado de forma irregular na área; três minutos depois, Ronaldo Tavares, de cabeça, obrigou Fábio Duarte à defesa da manhã; por fim, aos 58 minutos, o avançado e Gonçalo Vieira ficaram a centímetros de encostarem ao segundo poste para o empate.

De bola corrida ou no seguimento de esquemas tácticos bem trabalhados, o Sporting dominava por completo e, aos 86 minutos, no seguimento de um remate desviado para o poste de Ronaldo Tavares, Gil Santos conseguiu restabelecer a igualdade. Até ao fim houve muita emoção, ânimos quentes e algumas atitudes evitáveis, mas o encontro continuou partido e com os ‘leões’ a tentarem chegar à vitória que só não surgiu ao quarto minuto de descontos porque um autêntico míssil de Gonçalo Vieira na área descaído sobre a esquerda acabou por ser bem travado por Fábio Duarte.

Com este resultado, o Sporting manteve o primeiro lugar isolado da Zona Sul com 51 pontos (16 vitórias e três empates), mais oito do que o Benfica. Na próxima jornada, a formação ‘verde e branca’ recebe o Casa Pia.

"Ainda temos de melhorar no processo ofensivo"

Por Jornal Sporting
30 Dez, 2015

Análise de Tiago Fernandes ao triunfo frente ao Oeiras por 2-0

Tiago Fernandes, treinador dos juniores do Sporting, mostrou-se satisfeito com mais um triunfo do conjunto ‘leonino’ na Zona Sul do Campeonato Nacional, frente ao Oeiras, mas admitiu as dificuldades sentidas sobretudo na primeira parte.

“Estamos habituados a este tipo de jogo em casa, com equipas que se fecham bastante, que procuram não deixar a bola circular. Na primeira parte demorámos a entrar no jogo, fomos um bocado lentos e faltou-nos qualidade no último terço para finalizar com mais acerto”, começou por analisar o técnico ‘verde e branco’. “Na segunda parte rectificámos e, mesmo não fazendo um grande jogo, conseguimos chegar à vantagem. Chegámos ao golo numa boa jogada e foi merecido pelo que já tínhamos feito. Depois, com o decorrer do encontro, dominámos sempre e continuámos a ter boas oportunidades, mas faltou-nos alguma concentração em certos momentos”, complementou.

“Queria realçar o trabalho que este grupo tem vindo a realizar. 34 ou 35 jogadores utilizados, hoje entrámos com três juvenis que demonstraram uma qualidade tremenda, sete juniores de primeiro ano e um de segundo. Isto demonstra a qualidade do nosso trabalho e a nossa mentalidade e espírito para este ano. Sabemos que temos muitas coisas para melhorar mas o caminho faz-se devagarinho, com qualidade e com vontade de aprender mais para atingirmos os nossos objectivos. Sabemos bem que ainda não ganhámos nada”, comentou Tiago Fernandes, acrescentando: “Se ganhássemos por mais um golo ou outro seria justo. Temos de melhorar bastante no processo ofensivo porque apanhamos as equipas todas a jogar assim. Já somos o melhor ataque e isso é sinónimo de alguma qualidade. mas estou sempre insatisfeito. É assim que temos trabalhado e temos tirado o máximo de cada um dos jogadores”.

Por fim, o treinador do Sporting falou também do recorde de 16 vitórias consecutivas que foi hoje alcançado. “Igualámos e queremos continuar o nosso caminho. Sinceramente não esperava nem incuti na cabeça dos jogadores, a não ser agora que estávamos próximos porque eles mereciam essa marca. Os nossos jogadores são de três gerações diferentes e temos muitos jogadores na equipa B. Nem sempre é fácil preparar um grupo para estas situações. Eles têm assimilado bem as ideias. Para jogar no Sporting têm de estar preparados e dar sempre o seu melhor”, concluiu.

Juniores vencem Oeiras e igualam recorde de triunfos

Por Jornal Sporting
30 Dez, 2015

Vitória por 2-0 na Academia foi a 16.ª consecutiva no Campeonato

A 18.ª jornada da Zona Sul da primeira fase do Campeonato Nacional Sub-19 poderia ser só mais uma ronda no percurso vitorioso da equipa de juniores do Sporting. Poderia ser, mas não foi. Em caso de vitória, os comandados de Tiago Fernandes alcançariam um marco histórico: igualaram a melhor sequência vitoriosa de sempre do escalão.

Num partida difícil de resolver, os jovens ‘leões’ impuseram o seu futebol durante a maior parte do encontro e apenas um Oeiras extremamente concentrado a defender conseguiu impedir uma vitória mais expressiva.

A equipa visitante apresentou sempre uma postura defensiva na partida, procurando a saída em contra-ataque, mas a formação ‘verde e branca’ manteve-se focada na sua missão: vencer. O caudal ofensivo foi sempre muito forte mas a bola teimou em não entrar e o discernimento no último terço do terreno empurrou a decisão do encontro para o segundo tempo.

Na segunda parte, os juniores entraram com uma nova dinâmica que permitiu aos ‘leões’ corrigirem os problemas do primeiro tempo e criar mais perigo na baliza defendida por Tomás Pereira. Tanto assim foi que, aos 58 minutos, Gil Santos rematou forte e inaugurou o marcador. A vitória, e por conseguinte o recorde, estavam mais próximos do que nunca. 

Apesar da vantagem alcançada, a equipa do Oeiras não desanimou e acabou por reagir à desvantagem aproveitando algumas desconcentrações defensivas do Sporting, criando algum perigo na baliza de Luís Maximiano. 

Apesar de um maior equilíbrio na partida, os ‘leões’ foram sempre criando mais perigo e, no último lance do jogo, David Tavares sentenciou a partida, definindo o resultado final em 2-0. Mais uma vitória (já lá vão 16 seguidas) para os juniores, mais um recorde (neste caso, igualado) para a melhor Academia do Mundo.

Nota: Este texto foi actualizado às 18h48. Depois de terem sido de novo conferidos todos os dados, o Sporting igualou o recorde de vitórias consecutivas no Campeonato Nacional da categoria, podendo, isso sim, bater a marca em caso de triunfo na próxima jornada.

Juniores vencem Loures e reforçam liderança

Por Jornal Sporting
19 Dez, 2015

'Leões' batem Loures por 3-2 e levam 14 jogos seguidos a ganhar

A equipa de juniores do Sporting somou hoje a 14.ª vitória consecutiva da Zona Sul do Campeonato, recebendo e vencendo na Academia a aguerrida formação do Loures por 3-2 num encontro que teve duas reviravoltas ao longo dos 90 minutos.

Os ‘leões’ começaram melhor e chegaram naturalmente à vantagem à passagem dos dez minutos, num grande golo de João Mendes, extremo júnior de primeiro ano como a maioria da equipa inicial apresentada por Tiago Fernandes. No entanto, apenas dois minutos depois, Ivan conseguiu restabelecer o empate.

A equipa ‘verde e branca’ não se deixou abater pelo tento sofrido e continuou a comandar as operações, tendo duas oportunidades flagrantes para marcar num cabeceamento de Ronaldo Tavares bem travado pelo guardião contrário e num remate fortíssimo de Francisco Sousa à trave. Todavia, a sagacidade do visitante nas saídas em contra-ataque voltou a fazer-se sentir perto da meia-hora, com Varela a aproveitar uma descompensação momentânea na defesa ‘leonina’ para colocar o Loures na frente.

Pela primeira vez em desvantagem, o Sporting voltou a agarrar na batuta do jogo e, entre alguns passes menos bem conseguidos na primeira fase de construção, conseguiu chegar ao empate a dez minutos do intervalo, na sequência de um esquema táctico onde Ronaldo Tavares assistiu de cabeça Bubacar Djaló. Ainda antes do descanso, e também no seguimento de uma bola parada, Ronaldo esteve perto de fazer o 3-2.

No segundo tempo, os ‘leões’ voltaram a agarrar no jogo e colocaram-se de novo em vantagem por Francisco Sousa aos 63 minutos, num lançamento rápido de Gil Santos para o cruzamento de Ronaldo Tavares. Apenas dois minutos depois, João Mendes, de cabeça, obrigou o guarda-redes contrário a grande defesa para canto.

Mesmo em desvantagem, o Loures nunca baixou os braços e ameaçou de livre a baliza de Luís Maximiano mas apenas por demérito próprio os ‘leões’ não mataram o jogo, com Gil Santos a ver um remate cortado em cima da linha e Bubacar a acertar no poste já em descontos.

Com este resultado, o Sporting manteve a liderança da Zona Sul com 44 pontos (14 vitórias e dois empates). Na próxima jornada, já na terça-feira, os ‘leões’ defrontam fora o Sacavenense.

Juniores somam 13.ª vitória seguida em Portimão

Por Jornal Sporting
12 Dez, 2015

Triunfo por 1-0 frente ao Portimonense mantém liderança isolada

Imparável: assim continua a equipa de juniores do Sporting, que conquistou esta tarde em Portimão a 13.ª vitória consecutiva na Zona Sul da primeira fase do Campeonato Nacional Sub-19, batendo o Portimonense por 1-0 na 15.ª jornada.

Num encontro muito complicado frente a um conjunto algarvio a vencer cara a derrota, o tento solitário da partida chegou a quatro minutos do fim, através de um auto-golo de Ary.

Com este resultado, o Sporting mantém a liderança isolada da Zona Sul com 41 pontos (13 vitórias e dois empates), mais seis do que o Belenenses e mais oito do que o Benfica. Na próxima jornada, os ‘leões’ recebem o Loures, que empatou hoje com o Casa Pia.

"Também é importante estes miúdos saberem sofrer"

Por Jornal Sporting
05 Dez, 2015

Tiago Fernandes destaca justiça da vitória com U. Leiria por 2-1 nos descontos

A equipa de juniores do Sporting recebeu e venceu o União de Leiria por 2-1 na 14.ª jornada da Zona Sul da primeira fase do Campeonato Nacional, com o golo da vitória a ser marcado no último minuto do tempo de compensação. Para Tiago Fernandes, técnico do conjunto ‘verde e branco’, o resultado que não traduziu o domínio leonino da partida, embora tenha sido o tipo de jogo importante para o crescimento dos atletas.

"O resultado justo era termos marcado cinco ou seis golos. Nos primeiros 20 minutos tivemos um caudal ofensivo muito grande. O golo da vitória acabou por surgir no último minuto mas não deixa de ser um triunfo justo, com muito mérito nosso. É importante estes miúdos saberem sofrer. Passam grande parte das temporadas desportivas com algumas facilidades e é importante quando chegam aqui aos juniores saberem sofrer e é bom para saberem lutar contra as adversidades e jogos destes fazem falta para os fazer crescer mais”, começou por comentar o técnico ‘leonino’.

“Mais uma vez demonstrámos que temos uma equipa com muita vontade de vencer, com um espírito muito bom. Estão-se a tornar cada vez mais fortes e cada vez mais homenzinhos, mas ainda temos de melhorar muitos aspectos", completou.

Com este resultado a equipa leonina mantém a liderança invicta da Zona Sul, com 12 vitórias, dois empates e seis pontos a mais do que o segundo classificado Belenenses, que perdeu hoje na Madeira com o Nacional. Para Tiago Fernandes, este percurso traduz a mentalidade vencedora do Clube.

"Quem está no Sporting tem de perceber que é para ganhar sempre. É nos treinos que começamos a cultivar esta mentalidade. Vitória após vitória ficamos com noção de que quem aqui está tem de ter uma mentalidade vencedora muito grande. Vamos a todos os campos para conseguir os três pontos", concluiu o treinador ‘leonino’.

Recorde-se que, na próxima jornada, o Sporting desloca-se ao Algarve para defrontar o Portimonense, tentando somar a 13.ª vitória consecutiva da Zona Sul.

Páginas

Subscreva RSS - Juniores